Capes prorroga até 4 maio as inscrições para projetos sobre epidemias; programa oferece 900 bolsas

02/05/2020 - 13h32 - Por Karoline Figueiredo

A Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes), vinculada ao Ministério da Educação (Mec), prorrogou as inscrições para projetos no Combate às Epidemias voltados aos programas de pós-graduação que estudam epidemiologia, infectologia, microbiologia, imunologia, bioengenharia e bioinformática.

As inscrições que encerrariam dia 30 de abril, agora podem ser efetuadas até 4 de maio às 17 horas, no portal SICAPES. A iniciativa é de caráter emergencial e busca apoiar pesquisas direcionadas aos surtos, endemias, epidemias e pandemias. A medida vai auxiliar no entendimento e enfrentamento da crise atual em relação ao coronavírus (Covid-19), além de preparar o país para novos surtos.

Serão financiadas até 30 propostas e concedidas 900 bolsas de doutorado e pós-doutorado, com investimento de até R$ 70 milhões. Os projetos selecionados receberão até 12 bolsas de doutorado e 18 de pós-doutorado, além de receber 345 mil em custeio e verba de capital.

Estamos intensificando nosso apoio aos programas de pós-graduação, principais responsáveis pela pesquisa científica e tecnológica no país, com um programa estratégico emergencial que poderá contribuir de forma imediata à mitigação dos problemas ocasionados pela atual pandemia e contribuir para prevenção e combate de epidemias e assolam o país há anos", declarou o presidente da Capes, Benedito Guimarães Aguiar Neto.

Para mais informações acesse o portal Capes.