CGTN: Peng Liyuan participa da cerimônia de premiação da UNESCO para a educação de mulheres e meninas

18/10/2021 - 11h04 - Por PRNewswire
Sempre abrir.

PEQUIM, 18 de outubro de 2021 /PRNewswire/ -- Peng Liyuan, esposa do presidente chinês Xi Jinping e enviada especial da UNESCO para a promoção da educação de meninas e mulheres, discursou na cerimônia de premiação on-line do Prêmio UNESCO para Educação de Meninas e Mulheres 2021 na sexta-feira.

 

Um projeto que treina mulheres e meninas sub-representadas e de baixa renda para eliminar a lacuna de gênero no setor de tecnologia do Brasil, e outro que capacita meninas adolescentes e mulheres jovens em Moçambique por meio de modelos e círculos de irmandade foram agraciados com o Prêmio UNESCO para Educação de Meninas e Mulheres deste ano, disse a UNESCO.

Peng parabenizou os vencedores do Brasil e de Moçambique por vídeo.

Desde a criação do prêmio em 2015 pela UNESCO e pela China, ela exerceu uma influência positiva e inspirou mais pessoas a se dedicarem à educação de meninas e mulheres, disse Peng, acrescentando que centenas de milhares de meninas e mulheres puderam desenvolver seus conhecimentos e aprender novas habilidades, além de construir a confiança para mudar seu destino e buscar seus sonhos.

Além disso, um número crescente de pessoas está apoiando a educação de meninas e mulheres e promovendo a igualdade de gênero na educação global, disse ela.

Peng também expressou a esperança de que a comunidade internacional preste mais atenção e apoie a educação de meninas e mulheres e faça novas contribuições para a realização dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável das Nações Unidas para 2030.

A pandemia da COVID-19 teve um impacto negativo sobre as meninas e mulheres em termos de educação, e Peng pediu mais esforços para lhes oferecer uma educação de qualidade e igualitária. Ela defendeu o uso total da tecnologia digital, o compartilhamento de recursos educacionais on-line de alta qualidade e o aumento do suporte educacional para meninas e mulheres de famílias e regiões pobres. Ela também enfatizou a importância de fortalecer a educação em saúde para meninas e mulheres, a fim de melhorar a saúde física e mental de forma abrangente.

Enquanto isso, Audrey Azoulay, diretora-geral da UNESCO, reconheceu o papel da China no estabelecimento do prêmio, bem como em ajudar meninas e mulheres a realizar seus sonhos, sobretudo diante dos desafios impostos pela pandemia.

O Prêmio UNESCO para a Educação de Meninas e Mulheres homenageia as contribuições excepcionais e inovadoras feitas por indivíduos, instituições e organizações para a promoção da educação de meninas e mulheres.

https://news.cgtn.com/news/2021-10-15/Peng-Liyuan-attends-UNESCO-award-ceremony-for-girls-women-s-education-14nUt4YoSTm/index.html

Vídeo - https://www.youtube.com/watch?v=39z7u9acE_g

 

FONTE CGTN