Edital do Enem 2017 será publicado na próxima segunda-feira

07/04/2017 - 12h20 - Por Thaís Ferraz





O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (INEP) anunciou que o Edital do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2017 será publicado na próxima segunda-feira (10). O documento estabelecerá as normas do processo seletivo e informará o valor da taxa de inscrição.

A data do lançamento do Edital foi anunciada na mesma coletiva de imprensa que divulgou as mudanças na edição de 2017. Na terça-feira (4), o Ministério da Educação (MEC) publicou a a Portaria nº 468 de 03/04/2017, que oficializa as alterações.

As mudanças foram resultado da Consulta Pública sobre o Enem, realizada pelo MEC entre os dias 18 de janeiro e 17 de fevereiro. De acordo com o Ministério, mais de 600 mil opiniões foram registradas.

Mudanças

A partir desta edição, as provas passarão a ser aplicadas em dois domingos consecutivos. O objetivo é reduzir o desgaste dos estudantes, além de acabar com o "confinamento" dos estudantes sabatistas, que até então precisavam aguardar o início da prova isolados em uma sala por cinco horas.

Em janeiro, o MEC já havia confirmado o fim da certificação do Ensino Médio via Enem. Até 2016, estudantes que tirassem pelo menos 450 pontos em cada uma das áreas de conhecimento avaliadas pelo Exame e obtivessem nota acima de 500 pontos na redação podiam utilizar o resultado para validar o Ensino Médio. Com as mudanças, as certificações serão avaliadas através do Exame Nacional para Certificação de Competências de Jovens e Adultos (Encceja).

Outra alteração foi a inclusão da prova de Redação no primeiro dia de Exame, em conjunto com as questões de Linguagem, Código e suas Tecnologias e Ciências Humanas e suas Tecnologias. A duração do Exame no primeiro dia será de 5h30; no segundo, os candidatos terão 4h:30 para resolver as questões objetivas de Matemática e Ciências da Natureza e suas Tecnologias.

O MEC também anunciou que não divulgará mais os resultados do Enem por Escola. A partir de agora, o Exame só avaliará o desempenho individual de cada estudante.