ENEM: 10 dicas de especialista para ter ótimo desempenho na Redação

01/11/2017 - 16h06 - Por Karoline Figueiredo





A modalidade da prova de Redação do ENEM (Exame Nacional do Ensino Médio) 2017, conforme disponível na  Cartilha de Redação ENEM 2017, será Dissertativo-Argumentativo. O formato possibilita ao candidato construir uma tese inicial e defender suas ideias ao longo do texto.

O Ministério da Educação (MEC) publicou na última sexta-feira (27), as sugestões indicadas pela escritora e editora do Jornal Correio Braziliense, Dad Squarissi, para obter um bom desempenho na estrutura de uma Redação. Segundo ela, a habilidade adquirida vai sendo conquistada pelo treino e pela prática constante, ou seja, quanto mais você escreve, maior facilidade encontrará de desenvolver um texto.

Com objetivo de ajudar os participantes desta edição do ENEM e auxiliá-los para que não cometam erros básicos, a escritora listou algumas das principais sugestões:

1 - Treinar. O candidato que deseja tirar nota mil na Redação precisa praticar bastante. O conselho é escrever pelo menos uma página por dia, sobre qualquer assunto;

2 - Organizar o texto com coerência, não fugir do assunto, e principalmente, que o mesmo tenha começo, meio e fim. É indicado fazer um plano de Redação com a escrita dentro do tema proposto;

3 - Não existe uma preferência para que os estudantes façam a Redação no início da prova ou no final. Esse fator vai depender de cada pessoa, de sua particularidade. A dica é que os concorrentes leiam o texto completo do tema sugerido, pois ele pode contribuir com elementos e ideias na dissertação;

4 - Fazer Redações anteriores do ENEM ajudam muito para obter prática e rapidez na elaboração do texto;

5 - Geralmente, o tema da Redação está ligado com a atualidade. Os candidatos devem ler jornais, revistas, sites, entre outros, para não serem surpreendidos;

7 - Indicar referência histórica ou citar autores não são obrigatórios, porém, podem ser um diferencial positivo no texto. Cuidar para que seja feito na forma correta;

8 - Cuidar da linguagem utilizada. Tecnicamente, o ENEM cobra a norma culta, a língua que respeita a gramática e o dicionário. Não mencionar gírias, jargões (linguagem viciada) e palavras comuns em redes sociais.

9 - Compreender o tema e seguir a linha de raciocínio. A banca examinadora praticamente elimina candidatos que não escrevem sobre o assunto da prova ou fogem do tema proposto;

10 - Pode atrapalhar a escrita e a clareza das ideias utilizar gerúndio no texto. Lembrando que, gerúndio é diferente de gerundismo, e quem não sabe utilizar corretamente, pode prejudicar muito a Redação. Gerúndio é utilizado para denominar uma forma nominal no verbo, exemplo: As crianças estão brincando no parque (correto). O Gerundismo é considerado um vício de linguagem e aplicado de forma inadequada, exemplo: A empresa vai estar entrando em contato com você (incorreto).

Na correção dos textos, os professores avaliarão o desempenho com base em cinco competências: domínio na modalidade escrita formal da língua portuguesa; entendimento da proposta e aplicação dos conceitos em diversas áreas de conhecimento para desenvolvimento do tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo em prosa; selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um "ponto de vista"; demonstração do conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação; e elaboração da proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Acesse a Cartilha de Redação ENEM 2017, a Cartilha de Redação ENEM - LIBRAS 2017 e os possíveis temas de Redação para o ENEM 2017.

As avaliações acontecerão em dois domingos seguidos, nos dias 05 e 12 de novembro de 2017, respectivamente. No primeiro dia serão aplicadas Redação, Linguagens, Códigos e suas tecnologias e Ciências Humanas e suas Tecnologias. No segundo dia, terão Ciências da Natureza e suas Tecnologias e Matemática e suas Tecnologias.

Nos dias de provas os candidatos deverão obrigatoriamente apresentar: documento original de identificação com foto (RG, CNH, Carteira de Trabalho, Carteira de Reservista ou Passaporte). Não serão aceitos cópias, cópias autenticadas ou carteirinha de estudante. Em caso de perda do documento, o candidato poderá apresentar Boletim de Ocorrência dentro do prazo de 90 dias; e caneta esferográfica de tinta preta com material transparente.

O Cartão de Confirmação da Inscrição não é exigido para apresentação, porém, é necessário que os concorrentes imprimam o documento já que o mesmo informa o número da inscrição, os dados do participante, a língua estrangeira optada (inglês ou espanhol), atendimento especial ou diferenciado (se for o caso), local e horários de provas. Para acessar o comprovante, o candidato deverá informar o nº do CPF e a senha cadastrada na  página do ENEM.