Enem 2020: Leitor de Tela amplia recursos acessíveis

06/04/2020 - 11h58 - Por Karoline Figueiredo

O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (INEP) implementou mais um recurso com o objetivo de atender candidatos portadores de deficiência visual (cegueira e baixa visão). A partir desta edição de 2020 do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), estará disponível o leitor de tela, um software que permitirá maior autonomia para realização do exame.

O INEP reafirma seu empenho em ampliar as oportunidades de acesso ao Enem, principal meio de entrada na educação superior do país. "O Enem 2020 ratifica o compromisso e a própria história do INEP ao criar, a cada ano, mais oportunidades de acesso aos interessados de fazer o exame", declarou o presidente do INEP, Alexandre Lopes.

Leitor de tela: O aplicativo possibilita a leitura de textos que estão na tela do computador, ao converter, por meio de voz sintetizada, tudo o que aparece escrito no monitor. Assim, o participante pode navegar pela prova conforme sua decisão: ler a prova na ordem que desejar; repetir a leitura quantas vezes achar necessário ou retomar uma questão no ponto que escolher.

O Enem também conta com uma série de auxílios para os participantes realizarem as provas, entre eles, prova em Braile, prova com letra ampliada (fonte tamanho 18 e figuras ampliadas), prova com letra superampliada (fonte tamanho 24 e figuras ampliadas), tradutor-intérprete de Língua Brasileira de Sinais (Libras) e vídeoprova em Libras.

Os participantes também podem contar com os seguintes serviços de apoio: tradutor-intérprete, guia-intérprete, auxílio para leitura, auxílio para transição e leitura labial, solicitação de sala de fácil acesso, mobiliário acessível e tempo adicional. Além disso, são permitidos a utilização de instrumentos de acessibilidade pessoal como máquina de escrever em Braile, lâmina overlay, reglete, punção, sorobã ou cubaritmo, caneta de ponta grossa, assinador, óculos especiais, lupa, cão guia, entre outros.

Na edição anterior do Enem, o INEP efetuou 50 mil atendimentos especializados, sendo que mais de 10 mil, foram pessoas portadoras de deficiência visual. O Enem 2020 receberá os pedidos para esses atendimentos entre os dias 11 e 22 de maio, na página do participante.

Para mais informações acesse o portal do INEP.