Exposição "In Images: Plastic is Forever" mostra impacto persistente da poluição por plástico no planeta

02/07/2021 - 13h35 - Por Karoline Figueiredo
Sempre abrir.

A Exposição "In Images Plastic is Forever" (Em Imagens: Plástico é para Sempre) lançada na última quinta-feira (1º de julho) de forma virtual, propõe despertar a consciência mundial sobre o impacto duradouro da poluição de 8,3 bilhões de toneladas de plástico no planeta.

A mostra reúne imagens dos efeitos da poluição por plásticos, selecionadas por fotógrafos do mundo todo. A exibição revela como o uso indiscriminado de resíduos plásticos vem apresentando consequências graves no cotidiano das pessoas e nas comunidades.

O plástico está presente em diversos produtos e utensílios como aparelhos eletrônicos, peças de automóveis, equipamentos de proteção individual, seringas, proteção de alimentos, e muitos outros. Mas qual é o destino do lixo plástico? Quando a 'vida do plástico' chega ao fim?.

Os resíduos desses materiais podem levar de 20 a 500 anos para se decompor, e ainda assim, não desaparecem completamente. Os chamados microplásticos ainda permanecem, e estão presentes em todo canto do planeta - do pico do Monte Evereste até o fundo dos oceanos.

Dos 8,3 bilhões de toneladas de plástico produzidas no mundo, a metade destas foram nos últimos 13 anos. Segundo a Organização das Nações Unidas (ONU), de todo plástico descartado até o momento, 12% foi incinerado, 9% reciclado e o restante foi lançado em aterros sanitários e em nosso meio ambiente.

A Exposição é uma organização da Parceria sobre Resíduos de Plástico da Convenção de Basileia, com o apoio do Secretariado das Convenções da Basiléia, Rotterdam e Estocolmo no âmbito do Programa das Nações Unidas para o Meio Ambiente, a Rede Ambiental de Genebra e a cidade de Genebra.

Para mais informações acesse o portal da ONU-Brasil.