FIOCRUZ lança Pós-Graduação em Saúde nas Fronteiras

27/04/2021 - 19h29 - Por Karoline Figueiredo
Clique aqui para abrir o player de áudio.
Sempre abrir.

A Fundação Oswaldo Cruz (FIOCRUZ) lançou a primeira seleção pública para mestrado e doutorado do Programa Educacional Vigilância em Saúde nas Fronteiras (VigiFronteiras-Brasil). A iniciativa tem o apoio do Ministério da Saúde do Brasil e da Organização Pan-Americana da Saúde (OPAS/OMS).

O objetivo do curso é promover a formação de gestores e profissionais da saúde que atuam nas fronteiras do Brasil com outros países da América do Sul; fortalecer as ações e serviços de vigilância em saúde nas regiões da faixa de fronteira brasileira, com foco na epidemiologia, vigilância, prevenção e controle de doenças e agravos de importância para a Saúde Pública; entre outros.

O Programa VigiFronteiras-Brasil está disponibilizando 75 vagas para os cursos de mestrado e doutorado. As aulas serão ministradas por meio de um consórcio entre os Programas de Pós-Graduação em Epidemiologia em Saúde Pública, Saúde Pública e Meio Ambiente e Saúde Pública da Escola Nacional de Saúde Pública Sérgio Arouca (ENSP/FIOCRUZ); e o Programa de Pós-Graduação em Condições de Vida e Situações de Saúde da Amazônia (ILMD/FIOCRUZ Amazônia).

As inscrições são gratuitas e podem ser efetuadas até 30 de abril de 2021. Os candidatos devem ler atentamente o Edital para seguir as orientações de inscrições e conferir as etapas de seleção.

Para mais informações acesse o portal OPAS.