Hora do Enem: Confira a programação desta semana

20/08/2018 - 15h23 - Por Karoline Figueiredo





Candidatos do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2018 podem contar com a plataforma online Hora do Enem para reforçar seus estudos. O programa é gratuito e reúne professores e convidados importantes para a preparação dos estudantes nas provas.

O Programa é exibido de segunda a sexta-feira, às 7h, às 13h e às 18h na TV Escola. Nos finais de semana também são disponibilizadas as maratonas - sábado às 15h e domingo às 6h.

O calendário é elaborado semanalmente com disciplinas alternadas. Nesta semana (20 a 24 de agosto), a programação será a seguinte:

Segunda-feira (20): O professor de matemática Cristiano Marcel, resolve a questão 137 do caderno azul do Enem 2017 - sobre Logaritmo; o professor Antônio Cardoso fala sobre os diversos prêmios em olimpíadas de matemática que um município do interior do Piauí já recebeu.

Terça-feira (21): O professor Vinícius Mayo aborda temas como Democracia e Cidadania; e o professor Mário Augusto Medeiros, especialista em sociologia da literatura, analisa obras literárias e o que elas revelam sobre as sociedades nas quais foram produzidas.

Quarta-feira (22): Os youtubers Tatiany Leite e Augusto Assis, autores de resenhas, críticas e debates literários no canal "Vá ler um livro", vão dar dicas de estudos para o Enem; e a professora Raphaella Lira resolverá uma questão sobre poesia.

Quinta-feira (23): O professor Kylderi Domingos resolve a questão 135 do caderno azul azul do Enem 2017, sobre vacinação e sua importância; e o professor Ney Mello fala sobre o projeto inovador Rádio Animal - que ajuda os candidatos a estudarem biologia de uma forma descontraída.

Sexta-Feira (24): O estudante Felipe Bezerra, de Fortaleza (CE), explica como conseguiu tirar nota máxima na Redação do Enem 2015, além de dar dicas aos candidatos deste ano.

Os participantes além de acompanhar a exibição semanal, podem acessar diversos conteúdos disponíveis na plataforma. Todas as gravações das edições de 2017 e 2016 também podem ser conferidas.

Para mais informações acesse a página do MEC.