Inep divulga microdados do Sistema de Avaliação da Educação Básica (Saeb) 2019

02/03/2021 - 15h52 - Por Karoline Figueiredo

O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) divulgou na última sexta-feira (26), os microdados do Sistema de Avaliação da Educação Básica (Saeb) 2019.

As informações são referentes aos resultados do 2º, 5º e 9º ano do Ensino Fundamental em Língua Portuguesa e Matemática. No 9º ano também foram disponibilizadas análises sobre o desempenho em Ciências Humanas e Ciências da Natureza. Os resultados do 3º e 4º ano do Ensino Médio em Língua Portuguesa e Matemática também foram divulgados.

Segundo o Inep, os microdados reúnem informações que possibilitam gestores, pesquisadores, instituições e interessados na área da educação, realizarem diagnósticos, estudos e pesquisas que subsidiem o planejamento e a proposição de ações no âmbito escolar e das redes de ensino. O conjunto de dados também possibilita a formulação e a avaliação de políticas públicas na área educacional, visando contribuir com a melhoria da qualidade, equidade e eficiência da Educação Básica Brasileira.

O Saeb 2019 contou com a participação de 73.319 escolas públicas, sendo 2.606 escolas particulares sorteadas para fazer parte desta edição. Estavam previstos 7.074.919 estudantes para realizarem as avaliações, no entanto, 5.749.394 participaram dos exames, o que representa 81,26% do total.

O Saeb é realizado desde 1990 e tem como objetivo realizar um estudo detalhado sobre a qualidade de ensino na Educação Básica do país. O Saeb oferece subsídios para elaboração, monitoramento e aprimoramento de políticas com base em evidências, permitindo que os diversos níveis governamentais avaliem a qualidade da educação. Os estudantes participantes realizam testes e questionários, e os resultados apurados pelo Saeb, juntamente com as taxas de aprovação, reprovação e abandono apuradas no Censo Escolar, compõe o Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb).

Para mais informações acesse o portal do Inep.