Inscritos no Enem 2020 devem inserir foto no sistema até 1º de outubro; procedimento é obrigatório e deve seguir algumas regras

23/09/2020 - 11h30 - Por Karoline Figueiredo

O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (INEP) estendeu até às 23h59 de 1º de outubro, o prazo para candidatos inserirem ou alterarem a fotografia no sistema de inscrição.

Nesta edição, o procedimento passa a ser obrigatório e deve atender algumas exigências como ser atual, nítida, individual, colorida e com fundo branco. A foto também não poderá  conter óculos escuros e artigos de chapelaria (boné, chapéu, viseira, gorro ou similares). A imagem deve mostrar bem o rosto do participante (com boa iluminação e foco) e deve estar em formatos JPEG ou PNG (tamanho máximo de 2 MB. Segundo o INEP, fotos no formato PDF não serão permitidas.

As provas serão aplicadas nas seguintes datas: 17 e 24 de janeiro de 2021 (Enem impresso); e 31 de janeiro e 7 de fevereiro (Enem digital).

O Enem é um programa do Ministério da Educação (MEC), realizado anualmente pelo INEP desde 1998. O Exame foi criado para avaliar o grau de conhecimento e desempenho do estudante na educação básica, e atualmente, é um dos principais meios de acesso ao ensino superior no país. Com a nota do Enem, é possível participar de programas como o Sistema de Seleção Unificada (SISU); o Programa Universidade Para Todos (ProUni); o Fundo de Financiamento Estudantil (FIES); além de poder ingressar em instituições portuguesas conveniadas com o Ministério da Educação do Brasil.

O Enem registrou nesta edição, 5.783.357 inscrições. Para mais informações acesse o portal do INEP.