MEC adota novo Sistema de Avaliação da Educação Básica; aprendizado dos alunos e gestão de profissionais serão analisados com mais rigor

18/05/2016 - 14h11 - Por Karoline Figueiredo





O Ministério da Educação (MEC) criou no início deste mês, o Sistema Nacional de Avaliação da Educação Básica (Sinaeb) que visa um acompanhamento e análise melhor e mais rigoroso em relação ao aprendizado dos alunos e de todo sistema educacional. O novo sistema amplia os indicadores na educação e possibilita às escolas melhorar a gestão, diminuir as desigualdades no ensino e investir na formação docente.

O Sinaeb corrigirá as desigualdades apresentadas na avaliação educacional, analisará o atendimento escolar em todas as unidades, valorizará os profissionais da educação e a gestão democrática e indicará caminhos para superação das dificuldades educacionais.

As escolas passarão a ter retorno dos microdados do Censo da Educação Básica por meio do Sinaeb, para que saibam como estão seus alunos. Devido ao novo sistema, também haverá reformulações no cálculo do Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb). O Ideb que é responsável por avaliar o acesso dos estudantes à escola e à aprendizagem, passará a realizar uma análise mais detalhada e profunda, levando em conta a evolução das notas entre as séries do Ensino Fundamental.

O Sinaeb substitui a partir de agora, o modelo anterior chamado Sistema de Avaliação da Educação Básica (Saeb). O novo procedimento adotado levantará informações a partir de indicadores de rendimento escolar, referente ao desempenho dos estudantes (apurado em exames institucionais e nacionais), na qual obtêm dados relativos às características de perfil de alunos e profissionais da educação.

 

Arquivado em: Educação