MEC e CAPES oferecem mais 40 mil vagas para o curso virtual 'Alfabetização Baseada na Ciência (ABC)'

24/12/2020 - 11h03 - Por Karoline Figueiredo
Sempre abrir.

O Ministério da Educação (MEC) e a Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes) abriram na última quarta-feira (23), mais 40 mil vagas para o curso online "Alfabetização Baseada na Ciência (ABC)". A nova oferta ocorreu pela grande procura do público nas primeiras 40 mil vagas disponibilizadas dia 8 de dezembro, que foram preenchidas em 10 dias.

O curso é voltado aos professores da pré-escola até o 2º ano do Ensino Fundamental, além de estudantes de licenciatura. Os interessados devem se inscrever no portal ABC.

As aulas iniciarão  dia 11 de janeiro de 2021 e serão ministrados no Ambiente Virtual de Aprendizagem do MEC (AVAMEC). As aulas que totalizam 160 horas, reunirão vídeos, materiais de leitura e tarefas de estudos conforme princípios da gamificação e dos recursos abertos que compõe o acervo.

"O objetivo é melhorar a qualidade da alfabetização das nossas crianças, um compromisso do governo brasileiro. Para isso, é preciso preparar e valorizar os nossos professores", declarou o presidente da CAPES, Benedito Aguiar. "com esta ação de formação continuada, o MEC renova seu compromisso com a valorização dos profissionais da área de alfabetização, oferecendo à educação brasileira um curso de alta qualidade, com padrão internacional, explicou o secretário de Alfabetização do MEC, Carlos Nadalim.

O curso ABC é composto por um Manual Teórico, de 24 capítulos, elaborado pela Faculdade de Psicologia e de Ciências da Educação da Universidade do Porto (em Portugal), e um programa de Intervenção Prático, desenvolvido pelo Centro de Investigação na Leitura do Instituto Politécnico do Porto. Segundo o MEC, a Universidade Aberta de Portugal ficará encarregada de gravar as videoaulas e produzir as legendas para o português do Brasil.

O objetivo é oferecer aos profissionais da alfabetização, uma qualificação de nível internacional, aliando teoria e prática. A iniciativa faz parte do programa Tempo de Aprender do MEC. O ABC é uma ação de cooperação internacional entre a Capes, a Secretaria de Alfabetização (Sealf) do MEC, a Universidade do Porto (UP), o Instituto Politécnico do Porto (IPP) e a Universidade Aberta de Portugal (UAB).

Para mais informações acesse o portal do MEC.