Ministério da Justiça e UnB lançam mestrado em economia 'com ênfase em gestão do patrimônio apreendido de criminosos'

26/01/2021 - 20h12 - Por Karoline Figueiredo

O Ministério da Justiça e Segurança Pública (MJSP) em parceria com a Universidade de Brasília (UnB), lançou o Edital para Mestrado Profissional em Economia, com ênfase em finanças e gestão do patrimônio apreendido de criminosos.

De acordo com o Edital, as inscrições ocorrerão entre os dias 29 de janeiro e 5 de fevereiro. Os interessados deverão preencher formulário eletrônico e anexar todos os documentos digitalizados em formato PDF neste link.

O processo seletivo é composto por três etapas: a primeira reúne prova de Matemática, Estatística e Econometria, e prova escrita em língua inglesa - somente aos candidatos que não apresentarem o documento que comprove proficiência na língua; na segunda etapa serão analisados os currículos e históricos escolares; e a terceira, consiste na avaliação do 'texto de apresentação' elaborado pelo candidato.

Os resultados serão anunciados dia 5 de abril na página da UnB. As aulas serão ministradas de forma semipresencial e estão previstas para iniciarem no segundo semestre de 2021.

"O processo de perícia é primordial para uma gestão de ativos cada vez mais eficiente, e o preparo dos profissionais é fundamental para viabilizar as investigações, prejuízos ao criminosos e ganhos para o país", declarou o diretor de Políticas Públicas e Articulação Institucional da Senad, Gustavo Camilo Baptista, sobre o programa de mestrado.

O curso é voltado aos profissionais do Sistema Único de Segurança Pública (Susp); do Sistema Nacional de Políticas Públicas sobre Drogas (Sisnad); aos peritos Criminais Estaduais e Federais; servidores da Advocacia Geral da União (AGU) e do Ministério da Justiça e Segurança Pública (MJSP).

Para mais informações sobre o programa acesse o portal MJSP.