Olimpíada Internacional de Matemática 2020: desempenho de estudantes deixa Brasil entre os dez melhores países da competição

30/09/2020 - 18h23 - Por Karoline Figueiredo

A Olimpíada Internacional de Matemática (IMO na sigla em inglês) acontece anualmente desde 1959, reunindo cerca de 600 estudantes de todo o mundo. A competição além de incentivar os estudos na área, cria oportunidades de troca de experiência e cooperação mútua entre jovens de diversas culturas.

No Brasil, a seleção da equipe representante na IMO é organizada pela Comissão da Olimpíada Brasileira de Matemática, tendo como primeira fase a Olimpíada Brasileira de Matemática (OBM). Estudantes premiados na Olimpíada Brasileira de Matemática das Escolas Públicas (OBMEP) - que inclui escolas privadas, também são candidatos para representar o Brasil na IMO.

Nesta 61ª edição, a classificação de seis estudantes na IMO, colocou o Brasil entre os dez países com mais pontuação. Com 165 pontos, a equipe ficou à frente de países como Japão, França, Alemanha e Canadá. Todos os jovens conquistaram a medalha, sendo um ouro e cinco pratas.

A IMO que aconteceria este ano em São Petersburgo, na Rússia, foi realizada de forma virtual em decorrência da pandemia causada por Covid-19. A competição ocorreu entre os dias 19 e 28 de setembro, com aplicação de provas nos dias 21 e 22 seguintes.

Participantes brasileiros da IMO 2020:

  • Bernardo Peruzzo Trevizan, de São Paulo (SP) - medalha de Prata;
  • Guilherme Zeus Dantas e Moura, de Maricá (RJ) - medalha de Prata;
  • Pablo Andrade Carvalho Barros, de Teresina (PI) - medalha de Prata;
  • Francisco Moreira Machado Neto, de Fortaleza (CE) - medalha de Prata;
  • Gabriel Ribeiro Paiva, de Fortaleza (CE) - medalha de Prata;
  • Pedro Gomes Cabral, de Fortaleza (CE) - medalha de Ouro.