OPAS alerta sobre controle da dengue nas Américas; Brasil registra maior número de casos durante pandemia

27/06/2020 - 19h05 - Por Karoline Figueiredo

A Organização Pan-Americana da Saúde (OPAS) revelou em pesquisa epidemiológica atualizada sobre dengue e outras arboviroses, que 1.600.947 casos de dengue foram registrados nas Américas nos primeiros 5 meses de 2020.

A maioria dos casos de dengue confirmados foi no Brasil, com 1.040.481 casos, ou seja, 65% total. Outros números expressivos foram o Paraguai que apresentou 218.798 casos (14%); Bolívia com 82.460 casos (5%); e Argentina com 79.775 casos. Até o momento, 580 pessoas morreram de dengue em 2020.

A OPAS registrou 37.279 casos de chikungunya e 7.452 casos de zika. Do total dos casos de chikungunya, 95% também foram registrados no Brasil.

"Enquanto as medidas de distanciamento social estão em vigor, as famílias devem ser incentivadas a trabalhar juntas em suas casas ao redor delas para se livrar da água parada, reduzir e descartar resíduos sólidos e garantir a cobertura adequada de todos os recipientes de armazenamento de água. Essas medidas podem ser tomadas como uma atividade familiar", recomenda pesquisa epidemiológica atualizada.

De acordo com o documento, a pandemia causada pela Covid-19 está sobrecarregando o sistema de saúde e gestão do mundo inteiro. O objetivo é utilizar Estratégia de Gestão Integrada para prevenir e controlar casos de dengue e outras doenças causadas por mosquitos, além dos impactos causados pela Covid-19. A Estratégia reúne gestão, epidemiologia, atendimento ao paciente, laboratório, gerenciamento integrado de vetores e ambiente.

"As pessoas têm sintomas de dengue, incluindo febre e dor de cabeça graves, devem procurar atendimento médico e estar alertas aos sinais de gravidade da doença, como vômitos persistentes, dor abdominal intensa e tontura", explicou o chefe de doenças negligenciadas, tropicais e transmitidas por vetores da OPAS, Luis Gerardo Castellanos.

Acesse o documento na íntegra, e o portal da OPAS para mais informações.