Rio de Janeiro suspende aulas presenciais em 12 municípios

28/11/2020 - 20h04 - Por Karoline Figueiredo
Sempre abrir.

A Secretaria de Educação do Rio de Janeiro suspendeu as aulas presenciais em 12 municípios que apresentaram risco de contaminação por Covid-19. As cidades foram classificadas nas bandeiras vermelha e laranja, ou seja, risco alto e médio, respectivamente.

O risco alto de contágio abrange Niterói, São Gonçalo e Itaboraí. As escolas destas localidades não poderão receber alunos a partir de segunda-feira (30).

Com risco médio de contágio estão a capital Rio de Janeiro, Angra dos Reis, Duque de Caxias, Magé, Mesquita, Nilópolis, Nova Iguaçu, Porto Real e Soropédica. Neste caso, as instituições da rede estadual também estão com suas atividades suspensas.

De acordo com a Secretaria, neste momento, as aulas continuarão de forma remota e as unidades permanecerão abertas para distribuição do material didático e o kit alimentação.

Os municípios que darão continuidades às aulas presenciais são Casimiro de Abreu, Engenheiro Paulo de Frontin, Natividade e Sumidouro. As aulas acontecem para estudantes do 3º ano do Ensino Médio e Educação de Jovens e Adultos (EJA).

No Rio de Janeiro são 397 escolas estaduais, que atendem 60,8 mil estudantes do ensino médio e quarto módulo do EJA. O governo publicou dia 8 de outubro, um protocolo de procedimentos que devem ser seguidos para precauções do vírus, entre outras informações, como servidores dentro do grupo de risco que não precisam retornar no momento. A medida autorizada pelo governo do Rio de Janeiro para volta às aulas, depende ainda, de cada prefeitura municipal aderir ou não o retorno.

As aulas presenciais de todas as redes de ensino foram interrompidas em março deste ano, em decorrência da pandemia causada por Covid-19. As instituições privadas, já haviam sido autorizadas no início de setembro.

Os estudantes do Ensino Fundamental; do primeiro e segundo ano do Ensino Médio; e dos primeiros módulos EJA, permanecerão tendo aulas remotas. Os jovens do terceiro ano do Ensino Médio e quarto módulo do EJA poderão optar por ensino remoto ou presencial.

O objetivo principal da retomada presencial para estes casos, é para que os alunos não fiquem sem o preparo do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2020, que será aplicado em janeiro e fevereiro do próximo ano (versões impressa e digital).

Classificação do risco por cor:

Amarela - risco baixo: a região se encontra com alta capacidade do sistema de saúde e baixa propagação da doença;

Laranja - risco médio: a região está em uma das seguintes situações - média capacidade do sistema de saúde e baixa propagação do vírus; ou alta capacidade do sistema de saúde e média propagação do vírus;

Vermelha - risco alto: a região está em uma das seguintes situações - baixa capacidade do sistema de saúde e média propagação do vírus; ou média/alta capacidade do sistema de saúde, porém alta propagação do vírus;

Preta - risco altíssimo: região está com baixa capacidade do sistema de saúde e alta propagação do vírus.