UFPE decide por adesão integral ao Sisu

03/04/2014 - 17h52 - Por Thaís Ferraz





O Conselho de Ensino, Pesquisa e Extensão da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE) determinou, no dia 1º de abril, a adesão integral da instituição ao Sistema de Seleção Unificada (Sisu). A votação foi realizada na reitoria da instituição, em Recife, e contou com a participação de 40 conselheiros. Foram registrados 36 votos a favor, dois votos contra e duas abstenções.

O Vestibular da UFPE era realizado em duas etapas. A primeira, que correspondia ao Exame Nacional do Ensino Médio, valia 50% do total da nota do vestibular. A segunda fase, de igual peso, era composta por questões de três disciplinas específicas, de acordo com o curso escolhido pelo candidato, questões de línguas estrangeiras, questões discursivas de Português e a nota da redação do Enem.  Para o curso de química, o vestibular possuía ainda uma terceira fase.Os vestibulares da UFPE eram realizados duas vezes a cada ano, sendo as vagas específicas para o conjunto das Engenharias oferecidas no vestibular de julho.

Com a decisão, a segunda fase do vestibular da UFPE deixará de ser realizada. O vestibular do conjunto das engenharias, no entanto, continuará sendo realizado pela Covest. Além disso, a terceira fase destinada aos candidatos às vagas do curso de química continuará sendo aplicada, assim como os testes de habilidade dos cursos de música.

Na última seleção, a UFPE ofereceu 5462 vagas, distribuídas entre 97 cursos. Destas, 55 vagas foram oferecidas através do Sisu.

O Sistema de Seleção Unificada (Sisu) é um sistema informatizado, gerenciado pelo Ministério da Educação (MEC), no qual instituições públicas de ensino superior oferecem vagas para candidatos participantes do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem).