USP anuncia alteração de bônus para alunos de escolas públicas

07/06/2014 - 15h33 - Por Thaís Ferraz





A Universidade de São Paulo (USP) anunciou, na quinta-feira (5), uma alteração no sistema de bônus oferecidos para alunos de escolas públicas que desejam ingressar na instituição. A partir do próximo vestibular, o bônus será oferecido integralmente a todos os estudantes provenientes de escolas públicas que acertarem mais de 27 questões na prova da primeira fase.

O benefício será oferecido já na nota da primeira fase, ao contrário do que ocorria anteriormente, quando o acréscimo só era contabilizado na nota final dos candidatos. Além disso, até o ano passado, o bônus era proporcional ao desempenho do candidato na prova. Com a medida, as notas de corte dos cursos devem subir dois pontos. 

A expectativa da USP é de que, em 2015,  38% dos estudantes da instituição tenham cursado o Ensino Médio em escolas públicas.

A Universidade oferece, atualmente, 4 diferentes sistemas de bônus: o Inclusp Ensino Médio, que dá um acrécismo de 12% para candidatos que tenham cursado ou estejam cursando o ensino médio em escola pública; o Inclusp Ensino Básico, que dá 15% para alunos que tenham cursado o ensino fundamental na rede pública e que tenham cursado ou estejam cursando (integralmente) o ensino médio em escola pública; o PASUSP , que oferece 20% de acréscimo para aqueles que cursaram integralmente o ensino fundamental em escolas públicas e que estejam cursando o 2º ou 3º ano do ensino médio em escolas públicas; e o PPI-EB, que oferece 5% para candidatos inscritos na condição Inclusp e que sejam pretos, pardos ou indígenas.

 As inscrições para o vestibular da USP serão realizadas entre os dias 22 de agosto e 8 de setembro. A prova da primeira fase será realizada no dia 30 de novembro. A segunda fase será aplicada nos dias 4, 5 e 6 de janeiro de 2015. A primeira chamada será divulgada no dia 31 do mesmo mês.

Mais informações na página da Fuvest.