Fígado

Por Fabiana Santos Gonçalves
O fígado é a maior glândula do corpo humano e pode executar mais de 500 funções. Encontra-se na região abdominal, do lado direito, logo abaixo do diafragma. Pode pesar até 1,5 kg. É um órgão bastante vascularizado, recebendo cerca de 70% do seu sangue proveniente da veia porta e o restante pela artéria hepática. Os nutrientes absorvidos pelo intestino chegam ao fígado pela via linfática. No fígado são metabolizados e acumulados. As substâncias tóxicas absorvidas são neutralizadas e eliminadas através da bile. O fígado possui atividade endócrina e exócrina.

Anatomia

O fígado é dividido em duas regiões principais: o lobo direito e o lobo esquerdo. O fígado está preso anteriormente a parede abdominal pelo ligamento falsiforme, que é uma prega que separa os dois lobos.

Recebe sangue oxigenado proveniente da aorta através da artéria hepática e recebe sangue venoso do intestino, pâncreas e baço pela veia porta hepática. Conforme o sangue atravessa o fígado, os nutrientes são modificados. Por minuto, cerca de 1,5 L de sangue passa pelo fígado.

Os compartimentos hexagonais do fígado são chamados lóbulos hepáticos.

As células hepáticas são chamadas de hepatócitos.

Principais funções

  • Hematopoiese: juntamente com a medula óssea e o baço, o fígado participa da produção de células sanguíneas.
  • Hemocarotese: também participa da destruição das hemácias.
  • Integração dos mecanismos energéticos
  • Emulsificação de gorduras da digestão secretando bile como produto final.
  • Armazenar e metabolizar vitaminas
  • Armazenar e metabolizar glicose
  • Síntese de proteínas plasmáticas
  • Produção de precursores de plaquetas
  • Desintoxicação de toxinas internas e externas
  • Conversão de amônia em uréia
  • Filtragem de impurezas

Importância

Uma vez com falência em suas células, suas funções não são recuperadas. Porém, um único pedaço transplantado pode salvar a vida de uma pessoa, pois o órgão tem capacidade de regeneração.

O fígado é extremamente importante para o organismo e lesões nele podem levar o indivíduo à morte.

Patologias

As hepatites são as patologias mais conhecidas. Existem também insuficiência hepática, fibroses e cirroses. O alto consumo de álcool é muito prejudicial ao fígado. Algumas patologias podem levar o indivíduo à morte.

Leia também: