Escola de Bauhaus

Por Fernando Rebouças
Em 1919, na Alemanha, é fundada a Escola Bauhaus com o objetivo de unir arte e indústria. A finalidade deste centro de estudos era sugerir uma produção em série com qualidade de design e conceito inovador.

O objetivo da Bauhaus era parecido com a fusão da arte com o artesanato em séculos anteriores. A palavra Bauhaus significa casa de construção, e era uma escola democrática onde todos colaboravam em busca de novas linguagens e criação, independente da hierarquia entre aluno e mestre.

Bauhaus buscava aglutinar o conhecimentos de diversas artes como a pintura, música, dança, teatro, arquitetura, escultura e literatura para a construção de cidades melhores e um futuro consciente da criação. A Bauhaus era livre e dela se originou os estilos abstratos modernistas.

A escola foi fundada pelo arquiteto Walter Gropius como forma de oposição ao irracionalismo político alemão, defendendo o racionalismo de artistas e intelectuais da época. O racionalismo deveria estar presente em todos os meandros da vida.

Bauhaus ganhou sede própria na cidade de Dessau em 1925, porém, por defender a criação livre e democrática, foi fechada pelo nazismo em 1933. Bauhaus deixou referências no estilo de criação que até hoje influência a arte e o design.