Segunda Lei de Mendel (Lei da Segregação Independente)

Para estabelecer a 1ª Lei, Mendel estudou separadamente cada caráter, ou seja, cruzou plantas que diferiam em apenas uma característica (monoibridismo). Nos trabalhos seguintes, passou a utilizar algumas características ao mesmo tempo, como por exemplo, cruzou plantas de sementes rugosas e verdes com plantas de sementes lisas e amarelas.

Neste experimento, a Geração Parental (P) consistia apenas de indivíduos puros, ou seja, homozigotos. Como possuem o gene para as duas características, podem ser representados genotipicamente da seguinte forma: VVRR para plantas com sementes amarelas e lisas, e vvrr para verdes e rugosas. Como resultado deste cruzamento, obteve-se 100% da Geração F1 VvRr, o que já era esperado, visto que existe dominância entre os genes: Cruzando um homozigoto dominante com um recessivo, toda a geração F1 será híbrida.

Durante a formação de gametas, os genes se separam (meiose) de forma independente (1ª Lei de Mendel); e como estamos estudando duas características ao mesmo tempo, separamos os genes da seguinte forma:

  • Sementes amarelas e lisas: VVRR, formarão apenas gametas VR
  • Sementes verdes e rugosas: vvrr, formarão apenas gametas vr

Mendel então deixou que as plantas da Geração F1 se autofecundassem, dando origem à Geração F2.

Durante a meiose, na separação dos genes de um diíbrido (2 pares de caracteres), 4 tipos de gametas são formados. Os gametas que têm o gene V precisam ter os genes R e r, então metade dos gametas V são VR e metade Vr. O mesmo ocorre para gametas com o gene v.

VR Vr vR vr
VR VVRR VVRr VvRR VvRr
Vr VVRr VVrr VvRr Vvrr
vR VvRR VvRr vvRR vvRr
vr VvRr Vvrr vvRr vvrr

Na Geração F2 encontramos a seguinte proporção fenotípica:

9:3:3:1, onde:
9/16 = sementes amarelas e lisas
3/16 = sementes verdes e lisas
3/16 = sementes amarelas e rugosas
1/16 = sementes verdes e rugosas

Mendel então concluiu que a cor e a textura da semente eram independes uma da outra e os pares de genes segregavam-se de forma independente. Essa conclusão recebeu o nome de 2ª Lei de Mendel ou Lei da Segregação Independente.

Estudando Probabilidades

Como os caracteres são independentes, podemos calculá-los separadamente. Por exemplo:

P: Qual a proporção esperada de um cruzamento entre uma planta de semente lisa com semente verde?

1º) Cruzamos os híbridos da Geração F1:

Geração P

Geração F1


- 3/4 = amarelo e 1/4 = verde
- 3/4 = liso e 1/4 = rugoso

2º) Multiplicamos a probabilidade das proporções fenotípicas:

R: 3/16

Se formos estudar um caso de triibridismo (3 pares de caracteres), por exemplo, acrescentando a característica cor da flor (onde a cor lilás é dominante e a branca, recessiva) teríamos os seguintes tipos de gametas:

Leia também:

Arquivado em: Biologia