Citoplasma

A palavra citoplasma foi introduzida por Rudolf von Kölliker em 1862 e origina-se dos termos kytos (grego) - célula e plassos (grego) - molde, que dá forma, ou seja, é aquilo que dá forma à célula.

Citoplasma em célula eucariótica. Ilustração: sanjayart / Shutterstock.com [adaptado].

Citoplasma em célula eucariótica. Ilustração: sanjayart / Shutterstock.com [adaptado].

O citoplasma, nos seres eucariontes, é a porção existente entre o núcleo e a membrana celular e é constituído pelo citosol (também chamado por hialoplasma ou citoplasma fundamental), citoesqueleto e as organelas citoplasmáticas nele inseridas (mitocôndrias, retículo endoplasmático, lisossomos, peroxissomos, vacúolos, complexo de Golgi), enquanto que nos procariontes, é todo o conteúdo delimitado pela membrana celular. Nas células animais o citoplasma representa um pouco mais de metade do volume total da célula e é nele que ocorre a maior parte do metabolismo intermediário celular - isto é, as muitas reações pelas quais algumas pequenas moléculas são degradadas e outras são sintetizadas como por exemplo a glicólise e a síntese de proteínas, respectivamente. Quando comparado com a célula animal, o citoplasma da célula vegetal possui um volume menor, pois grande parte do conteúdo celular é ocupado pelo vacúolo. O citoplasma pode ser dividido em duas porções, uma mais externa conhecida por ectoplasma e possui um aspecto mais viscoso quando comparada a porção mais interna, o endoplasma. O citoplasma também tem como funções o armazenamento de glicogênio e lipídios, transporte e transporte de macromoléculas.

O termo citosol foi utilizado pela primeira vez por H.A. Lardy em 1965 e inicialmente referia-se ao líquido que era obtido após a lise, e retirada de todos os componentes insolúveis através da ultracentrifugação das células, atualmente é utilizado para referir-se ao contudo na fase líquida de células intactas, excluindo as porções ocupadas pelas organelas. O citosol ou hialoplasma é uma matriz amorfa gelatinosa constituída por duas fases, uma fase dispersante representada pela água e outra fase dispersa representada por proteínas que formam partículas denominadas micelas, também são encontrados íons dissolvidos e, em menor quantidade lipídios e carboidratos simples. Quando as micelas apresentam-se de forma desorganizada, conferindo um aspecto líquido ao citoplasma dizemos que o citosol encontra-se na fase sol e quando ocorre uma organização das micelas dando ao citosol um aspecto viscoso, damos o nome de fase gel.

Dependendo do tipo celular analisado, o citoplasma pode adquirir diferentes organizações podendo assumir diferenças significativas em sua parte apical e basal.

Bibliografia:
Alberts et. Al. (2011), Fundamentos da Biologia Celular, 3ª edição.
Carvalho HF & Recco-Pimentel (2013), A célula, 3ª. Edição.
Alberts et. al. (2008), Molecular Biology of the cell, 5th. Edition.
https://en.wikipedia.org/wiki/Cytoplasm

Arquivado em: Citologia