Rabdomiólise

O termo rabdomiólise refere-se à lise ou quebra rápida de musculatura esquelética, em decorrência de lesão no tecido muscular.

A lesão muscular pode ser causada por diferentes fatores, como físicos, químicos ou biológicos. A destruição do músculo resulta na liberação de componentes intracelulares para a circulação sanguínea.

A maior parte dos casos desta condição está ligada ao consumo de bebidas alcoólicas, compressão muscular, imobilização prolongada e depressão do estado de consciência.

As lesões nas células musculares ocasionam uma alteração na homeostasia do cálcio, bem como depleção de Adenosina Trifosfato (ATP). O acúmulo de cálcio é uma das principais causas de lesão muscular.

Há milhares de anos esta desordem já havia sido reconhecida. Existe referência bíblica a respeito da mesma, quando os Hebreus sofreram com a praga, durante o êxodo do Egito, após consumirem codornizes, que eram alimentadas com plantas de cicuta, situação ainda hoje existente na bacia do Mediterrâneo.

Além disso, existem relatados desta condição durante a Primeira Guerra Mundial, em soldados que sofreram esmagamento e, por conseguinte, apresentaram insuficiência renal. Contudo, foi somente em 1941 que Bywaters e Beall fizeram a primeira descrição moderna de rabdomiólise, em vítimas de esmagamento durante o bombardeio em Londres, durante a Segunda Guerra Mundial e que, semanas depois, faleceram com insuficiência renal.

As manifestações clínicas incluem:

  • Mialgias;
  • Hipersensibilidade;
  • Fraqueza muscular;
  • Rigidez muscular;
  • Contratura da musculatura;
  • Mal-estar geral;
  • Náuseas;
  • Vômitos;
  • Febre;
  • Palpitações;
  • Diminuição do débito urinário;
  • Alterações da coloração da urina, que passa a ficar mais escura (castanho-avermelhada).

O diagnóstico definitivo é alcançado por meio de exames laboratoriais, utilizando sangue, que aponta níveis aumentados de enzimas existentes nos músculos, e também exame de urina, que aponta elevados níveis de mioglobina.

O tratamento visa tratar as causas específicas de lesão muscular, bem como prevenir e tratar as complicações desta condição. Para evitar lesão renal, é necessária uma diurese forçada, por meio da infusão de maior quantidade de líquidos. Isso também auxilia a acelerar a excreção da mioglobina, bem como diluir a mioglobina presente na urina.

Fontes:
http://pt.wikipedia.org/wiki/Rabdomi%C3%B3lise
http://actamedicaportuguesa.com/pdf/2005-18/4/271-282.pdf
http://www.spmi.pt/revista/vol09/v09_n2_rabdomiolise.pdf

AVISO LEGAL: As informações disponibilizadas nesta página devem apenas ser utilizadas para fins informacionais, não podendo, jamais, serem utilizadas em substituição a um diagnóstico médico por um profissional habilitado. Os autores deste site se eximem de qualquer responsabilidade legal advinda da má utilização das informações aqui publicadas.
Arquivado em: Doenças, Sistema Muscular