Sódio

Por Emerson Santiago
O Sódio é um metal prateado e branco, de textura macia e brilhante, capaz de, em contato com a água, decompô-la e dar origem a um hidróxido, liberando oxigênio sob violenta reação. É sempre encontrado na natureza em alguma combinação com diversos elementos, em numerosos compostos naturais, como por exemplo o sal de cozinha (NaCl, cloreto de sódio). Em verdade, o sódio é bastante reativo, formando diversos compostos com vários agentes químicos inorgânicos e orgânicos.

Inicialmente conhecido apenas sob as formas de cloreto e carbonato de sódio, este elemento metálico é isolado e descoberto pela primeira vez em 1807 por Humphry Davy, em meio a seus estudos sobre eletrólise (a passagem da corrente elétrica) e seu comportamento em meio a soluções alcalinas, em especial a soda cáustica (NaOH, conhecida cientificamente pelo nome de hidróxido de sódio). Reconhecido como o sexto elemento em abundância na natureza, o sódio constitui 2,6% da composição da crosta terrestre, sendo também o mais abundante dos elementos do grupo de metais alcalinos. Possui ainda a propriedade de conduzir facilmente o calor e a eletricidade, proporcionando assim uma terceira característica, a de exibir o efeito fotoelétrico, ou a capacidade de emitir elétrons quando em exposição à luz.

O nome sódio é originário do latim "soda", nome de uma planta medicinal para a cura de dores de cabeça, e do qual se pode extrair o carbonato de sódio. Já seu símbolo, "Na", deriva da antiga forma latina corrente do nome do elemento "carbonato de sódio" em grego (natrium - oriundo de nítron).

Há presença abundante de sódio no sol e demais estrelas espalhadas pelo cosmo, estando as linhas de sódio entre as mais visíveis de todo o espectro solar. O elemento é comumente encontrado na natureza sob a forma do mineral cloreto de sódio, havendo porém outras variedades dignas de menção, como por exemplo a criolita (fluoreto de alumínio e sódio).

O processo de obtenção do sódio se faz por meio da eletrólise do cloreto de sódio fundido, recebendo doses de cloreto de cálcio de modo a proporcionar a diminuição do ponto de fusão. Em contato com a pele de animais e o tecido dos vegetais, apresenta-se altamente corrosivo.

Seu peso específico é de 0,968 g/cm³, com um ponto de fusão localizado em aproximadamente 97,72 graus Celsius, possuindo um peso atômico de 22,98. Seu número atômico é 11, valendo ao sódio um lugar entre os elementos denominados "metais alcalinos" na tabela periódica dos elementos químicos.

Bibliografia:
http://www.tabelaperiodica.hd1.com.br/na.htm
http://www.mspc.eng.br/quim1/quim1_011.asp
http://elements.vanderkrogt.net/element.php?sym=Na