Climograma

Por Caroline Faria
O climograma é uma ferramenta clássica de representação do clima que permite uma compreensão mais fácil do perfil climático de determinada região. Através do climograma pode se representar graficamente as variações de temperatura e precipitações durante um determinado período de tempo, geralmente de 1 ano.

A temperatura geralmente é representada por um gráfico linear sobreposto a um gráfico de barras (histograma) que representa as precipitações ao longo do período estudado.


Climograma de Campo Grande

A análise do climograma é feita sempre comparando-se a taxa de precipitação e a temperatura. Quando as barras do histograma estão abaixo da linha de temperatura significa que há mais calor do que precipitação. Entretanto, isso nem sempre quer dizer que o clima é seco: alguns climogramas utilizam o índice conhecido como “Índice de Gaussen” para o qual deve ser obedecida a relação: P=2T, ou seja, o valor máximo estabelecido para a precipitação deve ser pelo menos duas vezes a temperatura máxima.

Com o uso do climograma é possível identificar os períodos de estiagem, as épocas onde a precipitação é maior e até fazer comparações entre os climas de localidades diferentes através da comparação de seu climogramas.


Exemplo de climograma: São Paulo