Gêiser

Por Thais Pacievitch
O gêiser é uma espécie de fonte termal que, periodicamente, tem erupções, ou seja, através dele uma grande coluna de água quente é expulsa para o ar. A palavra gêiser vem de uma fonte, situada na Islândia, chamada Geysir que, por sua vez, vem do verbo islandês gjósa, seu significado é emanar.

Gêiser na Islândia. Foto: Denis Kichatof / Shutterstock.com

Gêiser na Islândia. Foto: Denis Kichatof / Shutterstock.com

As erupções de alguns gêiseres ocorrem em intervalos fixos, mas a maioria delas acontece com espaçamentos irregulares, e cujas pausas podem durar minutos ou anos. O período de duração da erupção de cada gêiser é diferente entre eles, pode variar de segundos a horas. A altura da coluna oscila entre 1 e 100m, e a quantidade de água que é jorrada pode variar de alguns poucos litros até dezenas de milhares de litros.

O gêiser entra em erupção quando a base de uma coluna d’água, que repousa sobre a terra, evapora por estar em contato com uma rocha vulcânica quente. Este superaquecimento causa o aumento da pressão da água, esta quando supera os 100ºC de temperatura, é transformada rapidamente em vapor de água, e provoca a emissão da água situada na parte superior da coluna. Depois da explosão ter acontecido, água mais fria flui pela chaminé do gêiser e o processo começa novamente. A força com que a água é arremessada pra cima depende de sua profundidade, já que o peso da coluna aumenta com a profundidade e dele depende a pressão exercida na base.

Quase todos os gêiseres conhecidos estão situados na Nova Zelândia (zona vulcânica Taupo), Islândia, Japão, Chile (El Tatio), Rússia (Dolina Geiserov, localizado na península Kamchatka) e Estados Unidos. O mais famoso deles é o Old Faithful, está localizado no Parque Nacional de Yellowstone, em Wyoming, Estados Unidos, ele expulsa entre 38.000 e 45.000 litros de água em cada erupção e a coluna d’água chega a atingir a marca de 52 metros. As erupções ocorrem em intervalos de 37 a 93 minutos. As erupções são precedidas por jatos de água com altura variável entre 3 e 8 metros. Os intervalos entre as erupções dependem de uma série de variáveis, tais como, o calor, a quantidade e a velocidade das correntes de água subterrâneas, a natureza do tubo do gêiser e as conexões (algo semelhante a encanamentos) existentes debaixo da terra.

Há também gêiseres individuais situados no Peru, Açores, Quênia, Bolívia, México.