Dermatologia

Dermatologia é a especialidade médica que tem como objetivo o tratamento do maior órgão humano, a pele. A especialidade engloba ainda doenças causadas em seus anexos: como cabelos, unhas e mucosas, além do tecido subcutâneo (tecido gorduroso).

A dermatologia é dividida em:

- Dermatologia clinica: abrange toda doença própria da pele, mucosas, unhas ou cabelos, como também doenças sistêmica com envolvimento destes.

- Dermatologia cirúrgica: atua em qualquer tipo de lesão cutânea que requer um ato cirúrgico para removê-la. Faz parte dos atos cirúrgicos:

Cirurgia convencional – por incisão e sutura da pele.
Criocirurgia – destruição da lesão por congelamento com “gelo seco” ou nitrogênio líquido.
Eletrocirurgia – destruição da lesão com bisturi elétrico.
Quimiocirurgia – destruição da lesão por agentes químicos, como por exemplo, ácido ticloroacético.
Laserterapia – destruição da lesão por laser.

- Dermatologia estética: age para manter a integridade e a aparência saudável da pele.

- Tricologia: é a parte da Dermatologia que estuda toda e qualquer doença que envolva os cabelos ou couro cabeludo.

- Onicologia: estuda toda e qualquer doença que envolva as unhas;

- Estomatologia: estuda toda e qualquer doença que ocorra na cavidade bucal (boca, língua e lábios).

- Dermatologia laboratorial: realiza exames para confirmação de diagnósticos clínicos.

A dermatologia atua em todos os casos fisiopatológicos que englobam a pele. Desde uma simples infecção ate casos mais graves como tumores. As doenças de pele atingem pessoas de todas as idades; crianças, adolescentes, adultos e idosos.

As doenças de pele mais comuns são a acne, eczemas, psoríase, alergias internas e externas, infecções por bactérias (impetigo, furúnculo), infecções por vírus (verrugas, herpes), infecções por fungos (micoses), doenças sexualmente transmitidas (sífilis, cancro mole), hanseníase, leishmaniose, "fogo selvagem", reações a medicamentos, neoplasias cutâneas (tumores benignos e malignos), queda de cabelos, e muitas outras.

O problema de pele mais temido entre os adolescentes é a acne. Uma doença que atinge especialmente pessoas entre 12 e 21 anos. É um problema comum, levando ao aparecimento de cravos, espinhas e até cicatrizes. A Acne é causada pelo entupimento e inflamação dos poros. Quando há uma atividade mais intensa das glândulas sebáceas, pode ocorrer a formação da acne.

Os dermatologistas devem estar familiarizados com as outras especialidades médicas, isso porque as doenças de pele podem ser sintomas de uma doença interna, tornando-se assim a pele um importante fator de diagnóstico de condições internas. Estes médicos abusam de uma grande variedade de métodos terapêuticos, que podem ser através de antibióticos ou chagarem a casos mais delicados como as cirurgias.

AVISO LEGAL: As informações disponibilizadas nesta página devem apenas ser utilizadas para fins informacionais, não podendo, jamais, serem utilizadas em substituição a um diagnóstico médico por um profissional habilitado. Os autores deste site se eximem de qualquer responsabilidade legal advinda da má utilização das informações aqui publicadas.
Arquivado em: Dermatologia, Medicina