Pedagogo

O termo Pedagogo vem do latim pedagogus e deriva da palavra paidagogos (pais), que por sua vez é formada pelos vocábulos paidós (criança) e agogos (condutor). Em termos literais a palavra Pedagogia significa “condução da criança” e apesar de possuir diferentes conotações desde a Grécia Antiga o Pedagogo é, portanto, aquele que conduz a criança ao saber.

O curso de Pedagogia foi instituído no Brasil em 1939 e desde então a atuação do pedagogo e seu perfil profissional vêm sofrendo alterações significativas frente às mudanças ocorridas na sociedade brasileira entre o final do século XX e início do século XXI, que não só modificaram o perfil como também redefiniram o papel da educação, da escola e dos profissionais que nela atuam.

Tendo a educação como seu objeto de estudo, a Pedagogia investiga sua natureza e suas finalidades enquanto ciência responsável por explicar objetivos e formas de intervenção metodológica e de organização da atividade educativa visando o sucesso da aprendizagem.

O trabalho do Pedagogo no contexto educacional é bastante amplo e pode se dividir entre a atuação como docente na Educação Infantil e nos Anos Iniciais do Ensino Fundamental (1º ao 5º ano) e o trabalho como especialista e mediador de rotinas escolares, o que supõe conhecimento necessário para conduzir a elaboração, execução e avaliação de projetos institucionais e propostas pedagógicas assim como o planejamento de conteúdos, definição de objetivos educacionais e metodologias de ensino a serem utilizadas.

Em sua formação acadêmica o Pedagogo tem acesso aos saberes específicos para sua formação profissional, uma vez que a construção de conhecimentos acerca de uma ciência que tem como objeto de estudo a educação ocorre através das teorias educacionais que procuram nortear a prática pedagógica. Porém, a construção de uma prática efetiva que fundamente as ações realizadas no dia-a-dia depende de uma formação continuada capaz de proporcionar ao profissional uma reflexão acerca de seus conhecimentos pedagógicos e didáticos, garantindo assim o redimensionamento de sua prática a partir da contraposição entre a teoria aprendida nos cursos de formação inicial e os saberes adquiridos na experiência.

Apesar de possuir a mesma base de formação do docente, o Pedagogo especialista possui atribuições distintas, uma vez que se torna o responsável por organizar e acompanhar o trabalho pedagógico, transitando em diversos espaços da escola e promovendo a integração entre os sujeitos através da compreensão da dinâmica de organização da instituição e da cultura escolar que permeia as relações interpessoais.

No ambiente escolar, é desejável que cada profissional tenha domínio do conhecimento específico de sua área de atuação como, por exemplo, o conhecimento teórico das disciplinas que compõe o currículo escolar. Em contrapartida, o pedagogo apresenta um conjunto de conhecimentos pedagógicos específicos dos muitos aspectos que incidem no processo de ensino-aprendizagem: metodologias, currículo, avaliação, planejamento, fundamentos teóricos etc. Esses conhecimentos quando utilizados na prática pedagógica do professor favorecem a transposição do conhecimento científico em saber escolar, objeto de aprendizagem por parte dos alunos. Portanto, os conhecimentos do pedagogo contribuem para a articulação entre o conhecimento próprio de cada disciplina e os saberes inerentes ao processo educativo, organizando, orientando e acompanhando o trabalho dos demais profissionais para que a escola garanta a aprendizagem de seus alunos.

Bibliografia:

FELDEN, Eliane de Lourdes et. al. O Pedagogo no contexto contemporâneo: desafios e responsabilidades. Vivênvias, vol. 9, n. 17, p 68-82, outubro/2013. Disponível em: http://www.reitoria.uri.br/~vivencias/Numero_017/artigos/pdf/Artigo_07.pdf

NASCIMENTO, Kely-Anee de Oliveira et. al. A prática pedagógica do Pedagogo no contexto escolar. Plures Humanidades, vol. 1, n. 1, 2014. Disponível em: http://seer.mouralacerda.edu.br/index.php/plures/article/view/119

BUBNIAK, Érica Elisa Nickel. Os novos espaços de atuação do Pedagogo e os desafios para sua formação. IV EDUCERE, PUCPR, 2004. Disponível em: http://www.pucpr.br/eventos/educere/educere2004/anaisEvento/paginas/educere.htm

Arquivado em: Pedagogia, Profissões