Engenharia Química

Atualmente a indústria química tem se desenvolvido muito, tanto em quantidade quanto em qualidade. Diversos métodos vêm sendo aprimorados e muitos outros descobertos. E para dar conta dessas funções temos inúmeros profissionais e dentre eles o engenheiro químico. A Engenharia Química é a área da engenharia que cuida da transformação de substâncias, do seu estado físico ou conteúdo energético e das matérias primas tornando-os uma série de produtos que são de utilidade do nosso dia a dia. O papel do engenheiro químico na indústria é o de elaborar projetos, desenvolver processos e métodos muitas vezes acompanhado de um Químico entre outros profissionais. O diferencial muitas vezes é que ele tem formação para operar desde as etapas iniciais de um processo até as etapas finais como a venda dos produtos.

O tempo total médio do curso de Engenharia Química é de 5 anos, sendo as disciplinas predominantes durante todo o andamento a matemática, a química e a física. A remuneração média de um profissional recém-formado em Engenharia Química é de R$ 3.060,00, para uma jornada 6 horas diárias.

Entre as áreas que os engenheiros podem atuar estão as listadas abaixo:

  • Indústria do papel e da celulose;
  • Indústria têxtil;
  • Indústria farmacêutica;
  • Materiais de construção;
  • Indústria alimentícia;
  • Indústria de cosméticos, entre outros.

Um dos ramos da engenharia Química que vem se desenvolvendo bastante é o que está relacionado com as questões ambientais através do desenvolvimento de tecnologias e métodos ecologicamente corretos e que seguem os preceitos da Química Verde. Estes processos visam reduzir a quantidade de resíduos advindos dos processos químicos, bem como produzir substâncias biodegradáveis, que agridem menos o ambiente quando descartadas.

 

Arquivado em: Profissões, Química