Estruturas Atômicas

Por Leopoldo Toffoli
Em 450 a.C. na Grécia, Leucipo e Demócrito afirmaram que toda a matéria é constituída por átomos e ele não é divisível.

1800 – Modelo atômico de John Dalton
Em 1800 Dalton propôs um outro modelo atômico que dizia:
* A matéria é constituída por átomos que são indivisíveis.
* Um átomo de um elemento é igual a outro átomo para formar ligações.

1856 – Modelo atômico de Thomson
Thomson descobriu a natureza elétrica da matéria, os elétrons. O seu modelo atômico ficou conhecido como pudim de passas, pois ele afirmava que o átomo era uma esfera que tinha massa positiva e os elétrons, carga negativa, ficavam distribuído quase que uniformemente, como as passas em um pudim.

1911 – Modelo atômico de Rutherford

Rutherford afirmou através de experiências com radioatividade:
1 – o átomo possui espaços vazios (eletrosfera).
2 – o átomo possui uma região positiva denominada núcleo (prótons).
3 – os elétrons se encontram na eletrosfera, girando ao redor do núcleo positivo com um sistema solar.
4 – as órbitas são circulares.

Estrutura Atômica

Elemento químico: é o conjunto de átomos de mesmo número atômico.
Número Atômico (Z): indica o número de prótons existentes no núcleo.
Número de Massa (A): é a soma do número de prótons com o número de nêutrons do átomo.

A = Z + n ou A = P + n