Suíno Yorkshire

A raça suína Yorkshire é descendente antiga de porcos grandes que existiam no Norte da Inglaterra. Dentro do seu melhoramento, tiveram poucos cruzamentos, sendo que suas características são, quase que exclusivamente, graças à seleção que foi realizada. Esta é a raça com maior número de exemplares na Grã-Bretanha, já tendo animais exportados para 46 países.

O suíno Yorkshire apresenta duas variedades distintas: a Middle-White e a Small-White, sendo que esta última não apresenta significativa importância. A primeira, que já foi muito importante, atualmente encontra-se em decadência. Quando se fala de suíno Yorkshire, refere-se à variedade Large ou Large-White.

Padrão Racial

Os animais dessa raça pesam de 100 a 120 kg aos 6 meses de vida, de 150 a 200 kg aos 12 meses, atingindo, na idade adulta, peso máximo de 500 kg (capados idosos).

A pelagem desses suínos é branca, com pêlos (cerdas) finos, sedosos, levemente cerrados, igualmente distribuídos pelo corpo. Os pêlos frisados ou escuros são considerados defeitos. A pele deve ser rosada, macia, elástica, fina e sem rugas, apresentando com freqüência manchas azuladas, denominadas “freckles”, que são condenáveis quando abundantes.

A cabeça é de tamanho mediano, proporcional, apresentando perfil côncavo, fronte larga, olhos afastados um do outro. O focinho é largo, mas sem ser grosseiro. As orelhas são de tamanho mediano, delgadas, levemente voltadas para frente, apresentando franjas de cerdas finas. As ganachas são secas, sem papadas.

O pescoço comprido apresenta formato cônico, é musculoso e fortemente ligado à espádua. O corpo é comprido e profundo, moderadamente largo, com distribuição da massa corporal uniforme por todo o seu comprimento, apresentando linha dorso-lombar arqueada. As espáduas são arredondadas, oblíquas, musculosas e pouco salientes nas pontas. O peite é largo e alto, encontrando-se entre os membros anteriores. O flanco é curto e está no mesmo nível da anca. O ventre apresenta boa sustentação, estando paralelo ao solo, apresentando de 6 a 7 pares de tetos bem distribuídos. A cauda é de inserção alta, sendo grossa na base, afilando gradativamente até a ponta.

Os membros são compridos, proporcionalmente finos, apresentando articulações secas e firmes e bons aprumos. Os boletos são bem sustidos e os jarretes bem implantados. As coxas são largas, as nádegas são cheias, conferindo um ótimo pernil o animal.

Aptidões e Qualidades

Estes animais apresentam bom temperamento, são vivos, rústicos e vigorosos.

São suínos voltados para a produção de carne. O toucinho distribui-se igualmente pela carcaça. Os capadetes frigorificados mais conhecidos no mundo originados da Dinamarca provêm dessa raça com a Landrace.

São altamente precoces, com os leitões apresentando um rápido crescimento e produzindo carne abundante, rendendo de 80 a 90 kg de carne limpa aos 7-8 meses de vida. A prolificidade também é excelente, criando de 10 a 12 leitões por prenhez.

Fontes:
http://www.criareplantar.com.br/pecuaria/lerTexto.php?categoria=34&id=61
http://www.ansi.okstate.edu/breeds/swine/yorkshire/
http://en.wikipedia.org/wiki/American_Yorkshire_pig

Arquivado em: Suínos