Nouveau Réalisme

Graduada em Artes-Dança (Unicamp, 2018)

Ouça este artigo:

O Nouveau Réalisme, Novo Realismo em português, foi um efêmero movimento artístico que aconteceu na França em 1960. Um grupo de artistas se reúne para questionar a arte até então idealizada, abstrata e figurativa, valorizando a realidade material da obra. Assim, o Novo Realismo nada mais é do que um novo olhar artístico.

Por se tratar de um coletivo de artistas trabalhando com materiais não artísticos e realizando exposições públicas, o movimento quebra com o paradigma do artista como um ser solitário que só cria com materiais convencionais e tem seus trabalhos expostos apenas em museus e galerias.

Características

  • Intercessão entre arte e vida: articulação objetiva, direta e simples com o mundo a sua volta, sem significados subjetivos e valorizando o físico.
  • Acessibilidade artística: uma aproximação maior do expectador com a obra tanto em sua criação e elaboração quanto no processo de fruição;
  • Multiplicidade de formatos, técnicas, mídias e estilos de objetos artísticos;
  • Utilização de materiais não comuns para a elaboração das peças, por exemplo, lixo, cartazes de anúncios, utensílios domésticos, móveis, entre outros;
  • Modos de criação que fogem do convencional, tal como o ato de destruir ou atirar objetos.
  • Influência dadaísta na valorização da “não-arte” e utilização de técnicas como assemblage e justaposição.

Assemblage

É uma técnica que se assemelha ao que conhecemos como colagem. Ela é feita com materiais diversos, o que garante volume e perspectiva para as obras. Além disso, muitas vezes pode ser considerada uma escultura devido à possibilidade de tridimensionalidade.

Dentro do Nouveau Réalisme, alguns artistas se destacam com essa técnica, entre eles Armand Fernandes, mais conhecido como Arman. O artista criava obras de arte a partir da composição com o lixo. Um exemplo de obra é “Poubelle de Halles” (“Lixo de Halles”) (1961).

Outro artista, Gérard Deschamps, ficou famoso ao trabalhar com a técnica de assemblage utilizando tecidos diversos, roupas e trapos. Por exemplo, na obra “Dessou au plastique bleu” (“Fundo de plástico azul”) (1961) o artista utiliza roupas íntimas femininas e plástico sobre uma placa de acrílico.

Décollage

A décollage é outro termo francês para ilustrar a técnica oposta à colagem. Nela, os artistas rasgam e decompõem materiais para recriá-los em outra composição. No Nouveau Réalisme muitos artistas utilizavam pôsteres, cartazes e anúncios das ruas de Paris como matéria prima de suas criações.

François Dufrêne com a obra “Ma Jolie” (“Minha Linda”) (1962) e Raymond Hains com a obra “Coup de Pied” (“Pontapé”) (1961) são alguns exemplos.

Ma Jolie, de François Dufrêne (1962)

Pintura

A pintura também compõe uma das técnicas utilizadas pelos artistas do Nouveau Réalisme. O que a diferencia do tradicionalismo são os materiais utilizados e a forma como as pinturas eram feitas.

Por exemplo, a artista Niki de Saint Phalle criou uma de suas pinturas a partir de tiros os quais as balas são cápsulas de tinta. Originando assim, a obra “Tir” (“Tiro”) (1961).

Esculturas e Instalações

Assim como a pintura, o movimento artístico não deixou de abarcar a escultura e as instalações, todavia, isso se deu de acordo com seus princípios e perspectivas sobre a arte. As obras traziam muito do absurdo e do não convencional, eram criações experimentais.

Daniel Spoerri criou o que ele chama de Snare-Pictures. Objetos variados como caixas, restos de comida, utensílios domésticos são colados aleatoriamente sobre uma mesa e assim essa mesa é pendura na parede, criando assim um objeto artístico. Esse é o caso da obra “Tableau Piège” (“Tabuleiro de Armadilha”) (1961).

César Baldaccini tem o seu reconhecimento ao utilizar peças de carro em suas obras. O artista as comprime em um único bloco de metal com nuances de cores. A obra “Compression Ricard” (“Compressão Ricardo”) (1962) ilustra muito bem o fazer artístico de César.

Referências Bibliográficas:

TATE. Nouveau Réalisme. Disponível em: <https://www.tate.org.uk/art/art-terms/n/nouveau-realisme>. Acesso em: 15 jan. 2022.

THE ART STORY. Nouveau Réalisme. Disponível em: <https://www.theartstory.org/movement/nouveau-realisme/history-and-concepts/#nav>. Acesso em: 15 jan. 2022.