Enoque

Mestrado em História (UFJF, 2013)
Graduação em História (UFJF, 2010)

Enoque é o nome de dois misteriosos personagens bíblicos.

Diz a bíblia que após matar Abel, seu irmão, Caim, fugiu com uma mulher anônima para a terra de Nod, localizada a leste do Éden. Caim teria ido para lá com uma mulher anônima com a qual teve seu filho de nome Enoque. Caim teria construído uma grande cidade para seu filho que também receberia o nome de Enoque. Segundo esta vertente da história, Enoque teria gerado um filho de nome Irade e seria avô de Lemeque, homem de maldade superior a de Caim.

Porém o personagem Enoque é controverso e misterioso. Uma outra vertente retratada na bíblia indica que ele seria membro da sétima geração de Adão, como filho de Jarede e pai do famoso Matusalém. Neste caso, Enoque teria sido poupado por Deus da ira do dilúvio e, assim, poupado também da morte. Nessa vertente de contextualização destacam-se duas características, uma de que Enoque teria andado com Deus e outra de que ele não teria morrido, mas sido levado junto com Deus. Relatos assim construíram a base de muitas lendas judaicas.

O livro do Gênesis diz que seus personagens viviam centenas de anos em tais épocas remotas. Na lenda que argumenta a imortalidade de Enoque, o discurso está baseado na ideia de que ele teria vivido apenas 365 anos, o que era muito pouco tempo de vida para aquele momento, considerando tal contexto. Isso teria estimulado sobremaneira a lenda judaica da imortalidade de Enoque e de seu companheirismo com Deus.

Embora as explicações para Enoque ainda sejam muito confusas e muito do que se sabe é ligado a questões lendárias e não históricas sobre sua real e possível existência, sabe-se que há dois contextos na bíblia envolvendo o nome Enoque. Em ambos os casos, Enoque é fruto de gerações de Adão. Porém, um deles é filho de Caim, ou seja, neto de Adão. O filho de Caim gerou Irade. O outro Enoque é membro da sétima geração de Sete, outro filho de Adão. Neste caso, Enoque seria filho de Jarede e teria gerado como filho Matusalém. Ou seja, há dois personagens bíblicos com o mesmo nome em épocas diferenciadas. Ambos são confusos porque suas histórias são baseadas especialmente em lendas, mas é preciso fazer a distinção de contextos claramente diferenciados quando se fala deles.

Fontes:
http://www.buscandoluz.org/estudos/133_O%20Livro%20de%20Enoque.pdf
http://www.oracula.com.br/numeros/201201/cavalcantefilho.pdf

Arquivado em: Bíblia