Hokusai

Não se sabe ao certo qual foi o mês de nascimento de Katsushika Hokusai. Provavelmente, o artista japonês tenha nascido em outubro ou novembro do ano de 1760 na cidade de Edo, atualmente Tókio. Hokusai ficou conhecido pelo estilo ukiyo-e, tipo de pintura similar à xilogravura japonesa do período Edo (1603-1867).

A obra mais conhecida de Hokusai é uma série de xilogravuras chamada “Trinta e Seis Vistas do Monte Fuji”, da qual faz parte a obra que lhe deu reconhecimento internacional, “A Grande Onda de Kanagawa”, que retrata uma enorme onda ameaçando a embarcação de pescadores.

Apesar de todas as obras da série terem sua importância, foi com a produção de “A Grande Onda” que Hokusai ganhou prestígio, deixando uma marca duradoura no meio artístico, tanto no oriente como em outras partes do mundo.

Outro trabalho conhecido de Hokusai  chama-se “Hokusai Manga”, onde é retratado um estudo sobre movimentos e expressões. O termo manga, utilizado atualmente para histórias em quadrinhos japonesas, era utilizado de outra forma na época, era uma maneira de representar a realidade por meio de caricaturas.

“Entre os temas preferidos de 'Hokusai Manga', destacavam-se: a vida urbana, as classes sociais, a natureza fantástica e a personificação dos animais. Tudo isso acompanhado de desenhos de forma caricatural. Ele tinha preferência por pessoas muito gordas ou muito magras, narizes longos e fantasmas. Seu maior legado foi um manual de instrução da arte de desenhar”, explica a pesquisadora Sonia Maria Bibe Luyten no livro “Mangá: O poder dos quadrinhos japoneses”.

A história de Hokusai tem início no período Horeki. O artista era filho de uma família de artesões do bairro de Katsushika. Seu pai fabricava espelhos para ganhar a vida e acredita-se que sua mãe fosse uma concubina, esposa secundária. Aos seis anos, o pintor começou a fazer seus primeiros trabalhos, decorando os espelhos que seu pai fabricava.

Era comum que artistas japoneses utilizassem diversos nomes. Porém, Hokusai chegou a ter 30 nomes, quantidade maior que a de qualquer outro artista do Japão. Entre as fases de pintura de Hokusai, um período ocultado sobre sua obra é o Taito, no qual produziu arte erótica em uma série chamada Sungai. Este é mais um motivo para tantas mudanças de nome de Hokusai. Para não ser acusado de imoralidade, o artista tinha que esconder as gravuras em envelopes com diversos pseudônimos diferentes.

Antes de sua morte, ocorrida em 10 de maio de 1849, Hokusai escreveu um haicai:

Agora como espírito

devo atravessar

os campos de verão.

Fontes:
BIBE LUYTEN, Sonia. Mangá, o poder dos quadrinhos japoneses. São Paulo: Hedra, 2000.
http://pt.wikipedia.org/wiki/Katsushika_Hokusai
http://pt.wikipedia.org/wiki/A_Grande_Onda_de_Kanagawa

Arquivado em: Biografias