Papa Clemente X

Mestrado em História (UFJF, 2013)
Graduação em História (UFJF, 2010)

Clemente X foi 239º papa da história da Igreja Católica. Nascido em Roma no dia 13 de julho de 1590, Emilio Altieri era um homem muito culto. Criado desde cedo entre livros e apurados ensinamentos, logo revelou sua dedicação pela vida religiosa. Viveu uma época de grandes transformações para o mundo Ocidental. Os europeus haviam tomado posse de um novo continente no começo do século em que nasceu, revolucionando o comércio e a noção de mundo no continente. A descoberta da América implicou não só no avanço de Portugal e Espanha e na globalização do comércio, mas também na conquista de novos fieis para a Igreja Católica. A catequização se expandiu por todos os novos territórios conhecidos através das grandes navegações.

Escultura do Papa Clemente X, Galeria Nacional de Arte Antiga - Palácio de Barberini (Roma, Itália). Foto: Luxerendering / Shutterstock.com

Emilio Altieri era proveniente de uma família tradicional de Roma que financiou seus estudos até se doutorar em jurisprudência. Começou sua carreira na vida religiosa sendo nomeado para uma nunciatura na Polônia, onde foi ordenado padre. Mais de uma década depois, voltou para a Itália para ser núncio em Napoli antes de retornar à Polônia. Com o passar dos anos, Emilio se aproximou muito da alta hierarquia da Igreja, desenvolvendo funções ligadas diretamente aos papas. Foi secretário da Congregação dos Bispos e Regulares nomeado pelo Papa Alexandre VII antes de seu amigo pessoal, o Papa Clemente IX, o nomear cardeal. Durante o pontificado de seu amigo, Emilio foi o responsável pelo Tesouro do Vaticano. Sua idade já estava avançada quando Clemente IX faleceu. No entanto, Emilio havia sido preparado há muito tempo para liderar a Igreja e foi eleito papa, no dia 29 de abril de 1670, mesmo aos 80 anos de idade.

O Papa Clemente X conquistou sua eleição inesperadamente e, junto com ela, o descrédito de muitos clérigos por causa da idade. De fato, a idade avançada dificultava sua administração da Igreja Católica, mas não o fez mudar seus hábitos e convicções. Clemente X era reconhecido por ser um homem letrado e muito correto em suas decisões. Pela sua retidão, conquistou muitos inimigos poderosos inconformados com a impossibilidade de conseguir privilégios por vias ilegais com a ajuda do papa. Clemente X conseguiu interferir na eleição do rei da Polônia e nomear João Sobieski, apadrinhado pelo papa devido as suas fortes convicções cristãs e por uma importante vitória em batalha contra os turcos.

Apesar da descrença na longevidade do papado com Clemente X, o papa ainda liderou a Igreja Católica por mais de seis anos. Ele faleceu no dia 22 de julho de 1676 e foi sucedido pelo Papa Inocêncio XI.

Fontes:
DUFFY, Eamon. Santos e Pecadores: história dos Papas. São Paulo: Cosac & Naify, 1998.
FISCHER-WOLLPERT, Rudolf. Os Papas e o Papado. Petrópolis: Editora Vozes.
THOMAS, P. C. A Compact History of the Popes. St Paulos BYB, 2007.

Arquivado em: Biografias