Quebrando Tabu

O filme Quebrando Tabu chegou às telas com um objetivo bastante polêmico: falar sobre a descriminalização da maconha e mostrar como a guerra contra as drogas já foi perdida. Nele vemos como a forma repressora de lidar com as drogas não obteve sucesso e o que deve ser feito para mudar a situação.

Tendo como idealizador o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso o filme mostra quem são as pessoas que usam, quais foram os erros do modelo repressor e, com base em fatos históricos, explica que as drogas já fazem parte da humanidade. O filme parte para o lado documental e expõe uma opinião clara sobre uma questão tão polêmica, utilizando bons argumentos e criticando o preconceito e a falta de informação.

São entrevistadas diversas pessoas, usuários, médicos especialistas, celebridades, como Paulo Coelho e o ex-presidente dos Estados Unidos Bill Clinton, e ex-usuários. Tudo para mostrar de uma forma clara que o problema com as drogas atinge o mundo todo e existem formas mais eficazes de agir. Em nenhum momento são vistas apologias ao uso de drogas ou argumentos que mostrem que drogas não fazem mal, e sim uma preocupação com o bem-estar social, vendo a droga e o usuário como um problema de todos, que merece maior atenção e inovação na forma como é tratado.

Além de mostrar os vários pontos de vista, o filme do diretor Fernando Grostein Andrade procura trazer à tona uma conversa de necessidade universal. O filme traça todo o caminho da droga, a forma como é tratada em outros países e mostra que é possível controlar de uma forma passível. É proposta a ideia de uma intervenção estatal nos hábitos e na educação das pessoas, entendendo que o viciado, muitas vezes, quer se livrar das drogas, mas não sabe como.

Uma das ideias á investir em centros de reabilitação e locais higienizados para utilização de drogas, assim reduzindo os riscos de doenças e também controlando a utilização. Nesses centros estariam presentes médicos e psicólogos que dariam apoio ao usuário e conseguiriam impedir o aumento de doses e também a saúde deles.

Fontes:
http://www.quebrandootabu.com.br/
http://mtv.uol.com.br/memo/quebrando-o-tabu-ancorado-por-fhc-e-direto-e-convincente

Arquivado em: Cinema