O encontro marcado

O encontro marcado conta a história de Eduardo, um menino mimado na infância, que manipulava os pais e a empregada, piorando ao longo das páginas, e que se esforça para ser o mais inteligente da sala por se apaixonar pela menina considerada a mais inteligente. Eduardo é amigo de Mauro e Hugo, os dois garotos são vistos como “as pestes” da cidade, e só vivem arranjando confusão.

O encontro marcadoEduardo descobre o fantástico e mágico mundo da literatura, contrariando a vontade do pai que almejava que ele tivesse os estudos formados. Passa, então, a ler uma diversidade de livros, juntamente com seus dois amigos. Acaba ganhando um concurso e se mudando para o Rio de Janeiro. Tem um romance não aceito pela família com uma outra adolescente chamada Letícia, fato que, junto com o suicídio de um amigo, são marcantes na adolescência do garoto.

Quando adulto, ele e os amigos passam a frequentar os bares da cidade, passando a ter uma vida resumida em literatura, bebedeiras e confusões. Fica atraído por uma moça chamada Antonieta, a filha de um ministro do Rio, e passa a namorar a jovem.

Quando resolvem noivar, seu pai fica contrariado por Eduardo ainda não ter se formado, mas acabam noivando e casando mesmo assim, e passam a morar no Rio. Após o casamento, Eduardo muda e começa a achar sua vida uma monotonia e vai se distanciando cada vez mais da mulher. Chega a beirar uma depressão, o que culmina com a morte do pai.

Eduardo acaba se separando da mulher e começa a relembrar o passado voltando a Minas e reencontrando os antigos amigos. é sempre atormentado por não ter se formado como o pai queria, por não ter tido filhos, por não ter o emprego que gostaria e pelo casamento não ter dado certo.

O livro termina quando ele, de volta ao rio, encontra seu amigo Eugênio, agora Padre, e encontra sua paz de volta. Por fim abandona o emprego e ingressa em uma viagem em busca de encontrar a felicidade, aquela que ele sempre buscara, mas não havia conseguido encontrar até então.

O livro foi escrito no ano de 1956 por Fernando Sabino. É considerado por muitos como o livro que representa uma geração, pois relata fatos realmente acontecidos com a juventude nascida na década de 90.

Fontes:
http://blogsonhoselivros.blogspot.com.br/2013/06/resenha-o-encontro-marcado-fernando.html
http://www.estamosemobras.com.br/2013/05/critica-o-encontro-marcado-fernando.html
http://www.passeiweb.com/na_ponta_lingua/livros/resumos_comentarios/o/o_encontro_marcado

Arquivado em: Livros