Números romanos

Mestrado profissional em Matemática (UFSJ, 2015)
Graduada em Matemática (UFMG, 1989)

Sempre abrir.

Um sistema de numeração é um conjunto de símbolos e regras que permitem representar números.

Os romanos representavam quantidades utilizando as seguintes letras:

Números Romanos Unidades
I 1
V 5
X 10
L 50
C 100
D 500
M 1000

Essas letras são chamadas algarismos romanos. No sistema de numeração romano não há um símbolo para representar o número zero.

Para representar quantidades, os símbolos eram escritos lado a lado, segundo algumas regras.

Veja como escreviam os números:

Símbolos iguais juntos, até três, significam soma de valores. Por exemplo:

II XXX CCC
1 + 1 = 2 10 + 10 + 10 = 30 100 + 100 + 100 = 300

Dois símbolos diferentes juntos, com o número maior antes do menor, significam soma de valores. Por exemplo:

VI LX DC MD
5 + 1 = 6 50 + 10 = 60 500 + 100 = 600 1000 + 500 = 1500

Dois símbolos diferentes juntos, com o número menor antes do maior, significam subtração de valores. Por exemplo:

IV XL XC
5 – 1 = 4 50 – 10 = 40 100 - 10 = 90

Para escrever os números de 11 a 99, indicamos as dezenas seguidas das unidades. Por exemplo:

XXXIV LVI XCII
30 + 4 = 34 50 + 6 = 56 90 + 2 = 92

Os números de 101 a 999 são escritos indicando-se as centenas, seguidas das dezenas e, por fim, as unidades. Por exemplo:

CCXLVII CDLXXX DCCCXCVI
200 + 40 + 7 = 247 400 + 80 = 480 800 + 90 + 6 = 896

A letra M indica mil unidades e pode se repetir até 3 vezes para representar quantidades. Por exemplo:

M MM MMM
1000 1000 + 1000 = 2000 1000 + 1000 + 1000 = 3000

Para indicar quantidades a partir de 4000, os romanos usavam um traço horizontal sobre as letras correspondentes à quantidade de milhares. Por exemplo:

IV V DC MD
4000 5000 600000 1500000

Outros exemplos:

MMMD MDCCCLXXXIX
3000 + 500 = 3500 1000 + 800 + 80 + 9 = 1889 4000 + 100 + 50 = 4150

 

Arquivado em: Matemática