Aspecto verbal

Mestra em Letras e Linguística (UFG, 2016)
Licenciada em Letras-Português (UFG, 2009)

Publicado em 26/06/2022
Ouça este artigo:

Os verbos são palavras que indicam ações, estados e fenômenos da natureza. É uma classe de palavra que pode variar em número, pessoa, modo, tempo, voz e aspecto. Sintaticamente, o verbo ocupa o núcleo de um dos termos essenciais da oração, o Predicado.

Além das variações de número, pessoa, modo e tempo, existem variações nas formas dos verbos que podem expressar outras duas noções importantes: as vozes verbais (ativa, passiva e reflexiva) e os aspectos verbais, os quais indicam a duração de uma ação: se foi ou não concluída, se está em seu início, em curso, ou como algo que produz efeitos permanentes e/ou repetitivos.

Neste artigo são abordadas as noções dos aspectos verbais.

Como você já sabe, o aspecto verbal está relacionado à duração de uma ação. Em Língua Portuguesa, temos os seguintes aspectos: Perfectivo, Imperfectivo, Incoativo ou Inceptivo, Cursivo ou Permansivo, Conclusivo ou Terminativo, Pontual, Durativo, Contínuo, e Descontínuo.

Vejamos cada um deles a seguir:

Aspecto Perfectivo

Indica que a ação foi concluída, sendo possível reconhecer o começo, o meio e o final.

Exemplos:

  • Os clientes fizeram os pedidos na sexta-feira pelo aplicativo da loja.
  • Semana passada, busquei meu irmão na escola.

Aspecto Imperfectivo

Indica que a ação não foi concluída, sendo impossível reconhecer o começo, o desenvolvimento e o final da ação, a qual pode ser considerada incompleta.

Exemplos:

  • Os clientes faziam os pedidos quando havia promoção no aplicativo da loja.
  • Buscava meu irmão na escola sempre que podia.

Aspecto Incoativo ou Inceptivo

Indica que o foco da ação está no seu início.

Exemplos:

  • Começaram a chegar os pedidos dos clientes no aplicativo da loja.
  • Passei a buscar meu irmão na escola.

Aspecto Cursivo ou Permansivo

Indica que o foco da ação está no seu desenvolvimento.

Exemplos:

  • Estão chegando os pedidos dos clientes no aplicativo da loja.
  • Estou buscando meu irmão na escola.

Aspecto Conclusivo ou Terminativo

Indica que o foco da ação está no seu fim.

Exemplos:

  • Chegaram os pedidos dos clientes no aplicativo da loja há meia hora.
  • Busquei meu irmão na escola há uns trinta minutos.

Aspecto Pontual

Indica que a ação ocorre em determinado momento ou é momentânea.

Exemplos:

  • Os pedidos dos clientes chegaram ao meio dia no aplicativo da loja.
  • Te busco na escola ao meio dia.

Aspecto Durativo

Indica que a ação é contínua, ocorre de forma duradoura ou repetitiva.

Exemplos:

  • Os clientes sempre tentam fazer os pedidos no aplicativo da loja.
  • Busco meu irmão na escola.

Aspecto Contínuo

Indica a ação ocorre de forma frequente, contínua.

Exemplos:

  • Os clientes fazem os pedidos no aplicativo da loja.
  • Sou eu quem está buscando meu irmão na escola.

Aspecto Descontínuo

Indica o recomeço de uma ação que era contínua mas foi interrompida.

Exemplos:

  • Os clientes passaram a fazer os pedidos no aplicativo da loja.
  • Voltei a buscar meu irmão na escola.

Aprenda mais sobre os verbos da Língua Portuguesa estudando sobre as flexões verbais.

Referências:

ABAURRE, Maria Luiza M. Gramática: texto: análise e construção de sentido. Volume único. 2. ed. São Paulo: Moderna, 2010. p. 272-310.

Arquivado em: Português