Pronomes adjetivos

Pós-graduada em Língua Portuguesa e Literatura (Mackenzie, 2016)
Licenciada em Letras Português-Inglês (FMU, 2012)

Publicado em 20/03/2019

O pronome é a palavra que se usa no lugar do substantivo ou refere-se a ele no discurso. Também pode acompanhar o substantivo, caracterizando-o de alguma forma.

Exemplo:

A Maria é uma criança aplicada nos estudos. Ela faz as lições de casa todos os dias.

O nome “Maria” é substituído na próxima sentença pelo pronome “Ela”. Isto ocorre para que não haja repetição do substantivo, evitando que a frase fique estranha.

Os pronomes dividem-se em: pessoais, possessivos, demonstrativos, indefinidos, interrogativos e relativos.

Os pronomes pessoais são elementos relevantes na construção de uma conversa ou discurso. Eles vão indicar três pessoas na conversa.

Exemplo:

  • 1ª pessoa: eu (locutor ou quem fala).
  • 2ª pessoa: tu (interlocutor, com quem se fala).
  • 3ª pessoa: indeterminada (o assunto, de quem ou do que se fala).

Eles vão desempenhar funções importantes na oração, com o objetivo de completar o sentido sem alterar a informação.

O pronome adjetivo, por exemplo, tem como função acompanhar, determinar e modificar os substantivos, isto é, eles atuam como se fossem adjetivos.

Exemplo:

Teus olhos são lindos.

(o pronome adjetivo teu determina o substantivo olhos).

O pronome adjetivo também varia em gênero (masculino ou feminino) e número (plural e singular).

Exemplo:

Tuas camisas são perfeitas.

Fontes:

CELSO, C; LINDLEY, C. Nova gramática do português contemporâneo. 6 ed. Rio de Janeiro: Lexikon, 2009. p. 289-290.

EVANILDO, B. Gramática escolar da língua portuguesa. Rio de Janeiro: Nova Fronteira, 2010. p. 130-131.

HILDEBRANDO. A. A. Gramática ilustrada. 2 ed. São Paulo: Editora Moderna, 1991. p. 106.

Arquivado em: Português