Corretor de imóveis

Ensino Superior em Comunicação (Universidade Metodista de São Paulo, 2010)

Corretor de imóveis é o profissional encarregado de intermediar as negociações de compra, venda, locação e permuta de imóveis residenciais e comerciais. Sua missão é oferecer suporte ao cliente do início à conclusão da transação imobiliária, acompanhando e fornecendo todos os esclarecimentos necessários. Cuida dos detalhes burocráticos e jurídicos pertinentes ao processo, sendo essencial para esse tipo de operação.

Corretor de imóveis ou corretor imobiliário é uma profissão regulamentada no Brasil desde 1962. Para exercê-la, é obrigatório o ensino médio completo e o registro no Conselho Regional de Corretores de Imóveis (CRECI). Para obter esse registro, existem três caminhos de formação disponíveis. Cursar o Técnico em Transações Imobiliárias (TTI) com duração média de 1 ano, cursar o Superior em Tecnologia em Gestão Imobiliária com duração aproximada de 2 anos ou cursar o bacharelado em Ciências Imobiliárias ou Negócios Imobiliários com duração média de 4 anos.

Foto: kurhan / Shutterstock.com

Após a formação e registro no CRECI, além de habilitado a vender, comprar e locar; o Corretor poderá também captar imóveis a serem negociados, averiguar e providenciar documentações imobiliárias, efetuar avaliação de imóveis no mercado, controlar carteiras imobiliárias, trabalhar em construtoras e ser responsável pela administração de condomínios.

Também há a possibilidade do Corretor se especializar em um segmento. Por exemplo, focar em imóveis rurais, imóveis para quem tem animais de estimação, locação de fazendas, locação para sociedades comerciais, lançamento de empreendimentos, etc.

Outra possibilidade interessante é atuar no mercado internacional, orientando clientes para investimentos imobiliários no exterior ou assessorando compradores estrangeiros no Brasil.

Para apoiar esses trâmites, O Conselho Federal de Corretores de Imóveis (Cofeci) mantém acordos com países como Portugal, México e Estados Unidos, entre outros.

Foto: Alexander Raths / Shutterstock.com

Devido ao aquecimento imobiliário conquistado nos últimos anos, através de planos habitacionais implantados pelo governo e novas modalidades de financiamento, a carreira tornou-se mais atrativa. Além disso, a profissão se destaca por possibilitar horários flexíveis de trabalho, bons ganhos com as comissões e atuação de forma independente. No cenário atual, a modalidade mais presente entre os Corretores Imobiliários é o trabalho liberal autônomo.

O mercado dá preferência aos profissionais com perfil comunicativo e persuasivo, que sejam pacientes e resilientes, com habilidade em vendas, saibam construir e manter sua rede de contatos, dominem os aspectos financeiros e legais envolvidos nas transações, estejam atentos às tendências de mercado e sejam autoconfiantes.

Além disso, ter visão de empreendedorismo é importante para identificar e avaliar a potencialidade e o risco dos negócios imobiliários.

Arquivado em: Profissões