Igreja Adventista do Sétimo Dia

Assim como todas as igrejas evangélicas, a Igreja Adventista do Sétimo Dia tem sua fé fundamentada na Bíblia. O nome adventista é uma referência à sua crença no advento, segunda vinda de Jesus, surgiu entre as décadas de 1850 e 1860 concomitantemente nos Estados Unidos e na Europa.

Essencialmente, a mensagem da Igreja Adventista do Sétimo Dia está centralizada em Jesus com a convicção de que a esperança da Igreja é o advento de Cristo, fundamentados na promessa do Senhor “Virei outra vez” para levar Seu povo a um novo lar; a verdade presente sobre o ministério contemporâneo de Cristo no Céu, atuando como advogado e Sumo Sacerdote para aqueles que O aceitarem como Salvador pessoal, perdoando os pecados num oferecimento de significado especial, sem precedentes, para tornar o povo sadio, santo e feliz.

De acordo com o site oficial adventista no Brasil, em nosso país esta denominação teve um início modesto, composto por homens e mulheres de várias denominações, mas que tinham um ponto em comum: temer a Deus. Passaram então a estudar juntos a Bíblia, e ainda, relatam que neste inicio várias pessoas foram desligadas de suas igrejas de origem porque haviam assumido a nova crença, após um estudo e interpretação mais amplos da Bíblia. Este pequeno grupo foi crescendo, até que em 1863, se organizaram em uma estrutura denominacional com o nome de Igreja Adventista do Sétimo Dia.

Com freqüência, os adventistas são reconhecidos pelo senso comum, como aqueles que “não trabalham/estudam aos sábados”. Esta conduta é justificada pelos membros da igreja com base de que crêem na promessa de Jesus “Virei outra vez”, e na ordem de Deus que o dia de descanso santificado por Ele é o Sábado, o sétimo dia da semana, como mostra a passagem:

Lembra-te do dia de sábado, para o santificar. Seis dias trabalharás e farás toda a tua obra. Mas o sétimo dia é o sábado do Senhor, teu Deus; não farás nenhum trabalho, nem tu, nem o teu filho, nem a tua filha, nem o teu servo, nem a tua serva, nem o teu animal, nem o forasteiro das tuas portas para dentro; porque, em seis dias, fez o Senhor os céus e a terra, o mar e tudo o que neles há e, ao sétimo dia, descansou; por isso, o Senhor abençoou o dia de sábado e o santificou”. (Êxodo 20:8-11)

Atualmente, a Igreja Adventista do Sétimo Dia é um corpo organizacional estabelecido praticamente no mundo todo com ao redor de 12 milhões de membros. Um das autoras mais conhecidas e citadas no meio adventista é Ellen White (1827-1915). E no Brasil, uma referencia é a TV Novo Tempo, com uma programação direcionada aos que compartilham da mesma fé, e chega a ser assistida até mesmo por pessoas de outras religiões como, por exemplo, no programa “Na Mira da Verdade” pessoas da comunidade em geral podem fazer perguntas via telefone, internet e mensagem de celular e, intermediados pelo apresentador Tito, o Pastor Leandro Quadros responde os questionamentos com base na crença adventista e na bíblia.

Bibliografia:
http://www.portaladventista.org
http://www.bibliaonline.com.br

Arquivado em: Cristianismo