Criação de Suínos

Previamente a construção da granja de suínos, os técnicos responsáveis devem realizar um estudo detalhado do clima e do local, observando principalmente varáveis como o clima do local, umidade, temperatura e intensidade do vento. Deve-se considerar que a temperatura de conforto térmico dos animais varia de acordo com a sua fase de vida, sendo que nas fases iniciais (leitão até a desmama), há uma necessidade de maiores temperaturas (29 – 31ºC) que durante as fases de terminação (12 – 21ºC).

Cuidados a tomar durante a construção das instalações:

-Localização que deve contar com espaço suficiente para instalação dos galpões e possível expansão da atividade além de questões de biosegurança (distância de outras criações) e a escolha desse local deve ser de tal modo que se aproveite as vantagens para circulação natural do ar;

-Evitar obstrução do ar por outras construções (distância mínima entre os galpões de 10 vezes a altura da instalação), barreiras naturais ou artificiais;

-Orientação dos galpões deve ser no sentido leste-oeste pois assim diminui a carga calorífica das instalações;

-Pé-direito: sua altura influencia diretamente a ventilação e a quantidade de energia radiante sobre os animais, deve ficar em torno de 3,0 – 3,5m;

-Comprimento: deve ser estabelecido com base no planejamento da produção, deve-se evitar áreas que seja necessário o uso de terraplanagem e atentar para os sistemas de distribuição de água;

-Cobertura: existe mais variados tipos de materiais para se fazer a cobertura, porém a mais recomendável é a de cerâmica que proporciona uma melhor ambiência, ainda podendo fazer uso de forro;

-Uso de sombreamento (árvores).

As instalações devem ser divididas por fase:

-pré-cobrição e gestação: os animais ficarão alojados em baias coletivas, as fêmeas de reposição até o primeiro parto e as porcas a partir de 28 dias de gestação;

-maternidade: 2 ambientes distintos (porcas e leitões), uso obrigatório de escamoteador para os leitões;

-creche: edificação para leitões desmamados, baias de piso ripado ou parcialmente ripado;

-crescimento e terminação: destina-se ao crescimento e terminação dos animais, desde a fase da saída da creche até a comercialização.

Arquivado em: Zootecnia