Martin Luther King

Por Cristiana Gomes
Uma das maiores personalidades da história da humanidade. Lutou contra a desigualdade racial através de discursos e protestos.

Martin Luther King era um pastor norte-americano e em 1964 recebeu o prêmio Nobel. Foi um dos maiores líderes contra a opressão racial.

Seu discurso mais famoso chama-se “Eu tenho um sonho” (“I have a dream”) pronunciado em 1963 no Lincoln Memorial em Washington.

Seus ideais de justiça, não-violência e amor ao próximo eram inspirados em outro grande mestre: Gandhi.

Em 1955, coordenou um boicote aos ônibus da cidade de Montgomery. Os líderes negros da cidade decidiram boicotar o transporte após a prisão de uma mulher negra (Rosa Parks) que se recusou a ceder o lugar para uma passageira branca. Por causa do protesto, King foi preso e recebeu ameaças de morte.

Após tantos protestos, a Suprema Corte decidiu tornar ilegal o transporte público separatista, esta decisão deu vitória ao protesto e King foi considerado um líder respeitado, por causa disto tornou-se presidente da Conferência de Lideranças Cristãs do Sul (organizado pelos padres negros sulistas).

Outros protestos de King

* Campanha a favor dos direitos civis no Alabama
* Realização de um censo para aprovar o voto dos negros
* Luta para melhorar a educação e a moradia dos negros nos estados do sul
* Luta contra a discriminação racial

King não foi somente um defensor dos direitos dos negros, ele também defendia as mulheres.

Porém, em 1965, King começou a criticar a participação dos EUA na Guerra do Vietnã e sua influência perante os negros começava a incomodar várias pessoas. Foi então que no dia 4 de abril de 1968 ele foi assassinado.

Mas até hoje ele é lembrado, discutido e estudado nas escolas. Nos EUA existe um feriado para relembrar seus feitos suas lutas.

Frases de Martin Luther King

* “O que me preocupa não é o grito dos maus. É o silêncio dos bons”.

* “Pouca coisa é necessária para transformar inteiramente uma vida: amor no coração e sorriso nos lábios”.

* “Eu também sou vítima de sonhos adiados, de esperanças dilaceradas, mas, apesar disso, eu ainda tenho um sonho, porque a gente não pode desistir da vida”.

* “Quem aceita o mal sem protestar, coopera realmente com ele".