Mediastinite

Mediastinite é definida como a inflamação dos tecidos do mediastino (situado entre os dois sacos pleurais). Pode ser do tipo aguda, com desenvolvimento repentino, ou crônica, desenvolvendo-se lentamente.

Esta inflamação habitualmente é causada por uma infecção bacteriana, que pode ser adquirida, no caso da mediastinite aguda, durante cirurgias torácicas (tipicamente cirurgias cardíacas) ou ruptura do esôfago, situação que pode resultar, por exemplo, de uma endoscopia digestiva alta, corpo estranho, intubação endotraqueal, e menos comumente, pode ser resultante de uma bacteremia hematogênica cujo ponto de partida pode ser uma pneumonia ou uma infecção do cateter. Já no caso da mediastinite crônica, comumente é consequência da histoplasmose, mas também pode resultar de radioterapia e tuberculose.

As bactérias habitualmente envolvidas na mediastinite são:

O risco da ocorrência da mediastinite no caso de cirurgias cardíacas é muito baixo. Contudo, alguns fatores podem predispor à ocorrência desta infecção, como diabetes, pacientes imunocomprometidos, homens de meia-idade e uso de drogas.

As manifestações clínicas de mediastinite incluem:

  • Dor no peito;
  • Febre;
  • Calafrios;
  • Dispneia;
  • Desconforto geral;
  • Inchaço da região cervical.

O diagnóstico é feito com base no quadro e histórico clínico do paciente. Alguns exames de imagem como radiografia torácica, tomografia computadorizada e ressonância magnética auxiliam no diagnóstico. Pode também ser feita punção na região afetada e encaminhamento do material para análise laboratorial.

Primeiramente deve ser feito um tratamento suporte, incluindo proteção das vias aéreas, manutenção da oxigenação e ventilação adequadas e reposição volêmica. Quando há a presença de infecção bacteriana, antibióticos devem ser administrados.

Nos casos mais graves, pode ser necessário cirurgia, com objetivo de remover os tecidos necróticos.

As complicações podem ser várias, incluindo:

  • Sepse, com subsequente falência múltipla de órgãos e consequente morte;
  • Insuficiência respiratória;
  • Pericardite;
  • Pneumonia secundária;
  • Derrame pleural e empiema;
  • Pneumomediastino;
  • Pneumoperitônio;
  • Pneumotórax.

Fontes:
http://www.nlm.nih.gov/medlineplus/spanish/ency/article/000081.htm
http://en.wikipedia.org/wiki/Mediastinitis
http://www.sbct.org.br/pdf/livro_virtual/mediastinite_aguda.pdf
http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-76382002000300012

AVISO LEGAL: As informações disponibilizadas nesta página devem apenas ser utilizadas para fins informacionais, não podendo, jamais, serem utilizadas em substituição a um diagnóstico médico por um profissional habilitado. Os autores deste site se eximem de qualquer responsabilidade legal advinda da má utilização das informações aqui publicadas.
Arquivado em: Doenças