Produto de Solubilidade (Kps)

Por Leopoldo Toffoli
Tomando um eletrólito qualquer, AaBb temos que a sua dissociação iônica é:

AaBb <--> aA+b + bB-a

“O produto de solubilidade é o produto das concentrações (em mol/L) dos íons existentes em uma solução saturada, estando cada concentração elevada ao coeficiente do íon na equação de dissociação iônica”.

Ou seja, seguindo a equação de dissociação iônica acima temos que:

Kps = [A+b]a . [B-a]b

Os valores do kps são constantes para cada substancia, a uma determinada temperatura. Veremos alguns exemplos:

Em soluções aquosas e a 25ºC,

1 – CaF2 <--> Ca+2 + 2F-, Kps = [Ca+2]. [F-]2 = 4,9 x 10-11

2 – FeS <--> Fe+2 + S-2, Kps = [Fe+2] . [S-2] = 5 x 10-18

Abaixo veremos uma tabela dos valores do Kps de algumas substâncias comuns:

Nome Fórmula Produto de Solubilidade (Kps)
Sulfato de Cálcio CaSO4 9 x 10-6
Hidróxido de Cálcio Ca(OH)2 4 x 10-6
Ortofosfato de Cálcio Ca3(PO4)2 2 x 10-29
Sulfato de Bário BaSO4 1 x 10-10
Hidróxido de Alumínio Al(OH)3 1 x 10-33
Sulfeto de Cádmio Cds 8 x 10-27

É importante lembrar que:
Os valores do Kps permanecem constantes somente em soluções saturadas de eletrólitos pouco solúveis.

Se a dissociação iônica for endotérmica, e se aumentarmos a temperatura, este aumento acarretará em um aumento de solubilidade, portanto, o valor do Kps aumentará. Se a dissolução for exotérmica acontecerá o contrario do citado anteriormente. Podemos então concluir que a temperatura altera o valor do Kps.

Leia também:

  1. Soluções

Fontes
Feltre, Ricardo – 6.ed. – São Paulo: Moderna 2004 – v.2. Físico-química.