Tai Chi Chuan

O Tai Chi Chuan é uma arte marcial interna, de origem chinesa. Seu estilo é suave, e favorece o relaxamento muscular, ao contrário da maioria das artes marciais, que tem como objetivo a agilidade e a maior tensão dos músculos. O Tai Chi Chuan pode ser considerado uma meditação em movimento.

Os movimentos no Tai Chi Chuan são circulares. Quando combinados com um ritmo respiratório, levam a um alongamento do corpo e conseqüente relaxamento do mesmo. Os movimentos são contínuos e delicados.

O Tai Chi Chuan tem, em seus princípios, traços da filosofia Taoísta e da Alquimia Chinesa. Foi “fundado” pela Família Yang, mais precisamente por Yang Lu Chang, um chinês que viveu entre 1789 e 1872. Mas o grande responsável que difundiu o Tai Chi Chuan da Família Yang por toda a China, foi o Mestre Yang Cheng Fu, que viveu entre 1883 e 1936. O estilo Yang tem 103 posturas diferentes.

Tendo como base a filosofia Taoísta, o Tai Chi Chuan busca o equilíbrio entre o Yin e o Yang, o que gera a energia "KI", que é a energia vital de todo ser vivo. Yin e Yang são os extremos opostos de energia. Num exemplo um tanto grosseiro, claridade e escuridão seriam os extremos Yang e Yin da energia luminosa. São indissociáveis e ao mesmo tempo contrários. O ideal seria encontrar o equilíbrio entre eles.

O Tai Chi Chuan faz com que o praticante tenha maior consciência de seu corpo e do equilíbrio. Tem efeito sobre o corpo e a mente, aumentando o relaxamento e combatendo o estresse.

Os benefícios que traz a saúde também são inúmeros: torna as articulações mais flexíveis, rejuvenesce a pele, favorece a circulação sanguínea, e o coração.

Como tem ação sobre o sistema nervoso central, é benéfico inclusive para os sistemas: digestivo, eliminatórios, respiratórios e imunológicos. Por esses motivos é sinônimo de longevidade em alguns países.

Por envolver a arte marcial, a saúde e a meditação, o Tai Chi Chuan é, atualmente, praticado pelo mundo todo, sobretudo no ocidente, e é inclusive aplicado na medicina oriental, no tratamento de reumatismos, artroses, burcites, artrites e no equilíbrio da pressão arterial.

Na China, é comum as pessoas praticarem o Tai Chi Chuan nas praças, no período da manhã. Pode ser praticado por qualquer pessoa, inclusive às pessoas na terceira idade.

Arquivado em: Artes Marciais