Quirguistão

A República Quirguiz (em quirguiz: Kırgız Respublikası) é um pequeno estado localizado na Ásia Central. Com um território de 199.900 km², equivalente à área do estado do Paraná, a capital e principal cidade do país é Bishkek. País sem saída para o mar, seu território é rodeado pelo Cazaquistão a norte, Uzbequistão a oeste, Tajiquistão a sudoeste e China a leste. As línguas oficiais são o quirguiz e o russo. A religião principal é o islamismo, com uma minoria de seguidores do cristianismo, do rito ortodoxo russo. A moeda é o som.

A história do Quirguistão remonta a 201 a.C., com a ocupação da área por povos turcos. No século XII, o islamismo tornou-se a religião predominante, sendo que a maioria do quirguizes são ainda hoje muçulmanos sunitas, da escola Hanafi. No início do século XIX, a parte sul da atual República do Quirguistão é governada pelo canato de Kokand, e todo o território é formalmente incorporado ao Império Russo em 1876. Em meio à Primeira Guerra Mundial ocorre uma tentativa de independência, que é suprimida violentamente, fazendo com que muitos migrem para a China. O poder soviético foi estabelecido em 1918, e em 1924, o Oblast Autônomo Kara-Quirguiz foi criado, reunindo cazaques e quirguizes. Em 1926, é formada a República Socialista Soviética Autônoma do Quirguistão, e finalmente, a 5 de dezembro de 1936, a República Socialista Soviética do Quirguistão. Muitos aspectos da cultura local foram mantidos, apesar da supressão da atividade nacionalista sob Joseph Stalin. Os primeiros anos da glasnost tiveram pouco efeito sobre o clima político local, mas logo entre 1990 e 1991, líderes oposicionistas assumem o controle estatal; o nome do país muda para República do Quirguistão, e o nome da capital é revertido para a sua forma pré-revolucionária, de Frunze para Bishkek, além da elevação da língua quirguiz a status oficial. Finalmente, a 21 de dezembro de 1991, a República do Quirguistão entrou para a Comunidade dos Estados Independentes (CEI), marco inicial de sua independência, e uma nova constituição foi aprovada pelo seu parlamento em maio de 1993.

Atualmente, o Quirguistão busca tornar-se uma nação democrática após quinze anos de liderança de Askar Akayev, que, como seu sucessor, Kurmanbek Bakiyev foram derrubados do poder em 2005 e 2010, respectivamente. Bakiyev caiu em meio a uma revolução que teve como consequencia principal a transformação do Quirguistão em uma república parlamentarista. Em um panorama marcado pelas revoltas populares e a repressão da minoria uzbeque no país, o primeiro ministro Almazbek Atambayev é eleito presidente nas eleições realizadas em outubro de 2011.

Bibliografia:
Kyrgyzstan profile (em inglês). Disponível em: < http://www.bbc.co.uk/news/world-asia-16185772 >. Acesso em: 07 out. 2012.
Kyrgyzstan (em inglês). Disponível em: < http://www.state.gov/outofdate/bgn/lebanon/191951.htm >. Acesso em: 07 out. 2012.
Mapa: http://www.ecoi.net/kyrgyzstan/maps

Arquivado em: Ásia