Itérbio

O itérbio foi descoberto por um químico chamado Jean-Charles Marignac 1878 em Genève - Suíça, quando o mesmo descobriu um novo elemento o qual deu a nomenclatura de terra iterbia (atualmente chamado de érbia) o qual ele acreditava ser um metal puro. Mais tarde em 1907 um químico francês Georges Urbain conseguiu separar as impurezas da iterbia em dois outros compostos na tentativa de purificá-los para obter as características físicas e químicas do mesmo, mas sem muito sucesso, aos quais deu o nome de neoiterbia e lutércia, respectivamente chamados de itérbio e lutécio atualmente.

Somente em 1937 os cientistas Daane Dennilson e Sedding conseguiram uma forma realmente pura suficiente para obter as características do elemento e catalogá-lo, recebendo o nome atual de itérbio que é uma derivação de Ytterby – Suécia.

Itérbio é um material presente no meio ambiente encontrado em minerais como xenotima, monazite e gadolina, vendido comercialmente por isso sua produção em laboratório não comum, tanto pela sua presença natural quanto pela dificuldade de separá-lo do metal puro. Trata-se de um metal solido presente há família dos lantanoides (terras raras) de símbolo químico Yb de um aspecto físico maleável, dúctil e macio, bom condutor de eletricidade, de cor branco-prateado, possui numero atômico 70 e massa atômica de 173,04.

Apesar de ser estável possui a necessidade de permanecer em um recipiente fechado livre de ar e umidade, pois reage com ambos. Ele é reativo com todos da família dos halogênios formando haletos de itérbio, alem de reagir lentamente com a água fria e rapidamente com a água quente formando hidróxido de itérbio e hidrogênio gasoso.

Raramente traços de itérbio são encontrados nos organismos humanos, mas sendo altamente tóxico. Ele é utilizado na produção de ácidos, laser, em tubos de raios-X e na melhoria da resistência mecânica do aço, em forma de pó pode causar queimaduras nos olhos e riscos de explosões.

Fontes:
http://www.tabela.oxigenio.com/lantanideos/elemento_quimico_iterbio.htm
http://www.infopedia.pt/$iterbio
http://wearemandy.blogspot.com/2010/06/iterbio-o-iterbio-e-utilizado-na.html
http://www.theodoregray.com/periodictable/Elements/070/index.s7.html

Arquivado em: Elementos Químicos