Como é a preparação para uma maratona?

Graduação em Educação Física (Unesp, 1999)
Mestre em Ciências da Motricidade (Unesp, 2002)
Doutorado em Integração da América Latina (USP, 2013)

Publicado em 08/08/2022
Ouça este artigo:

Maratona é a prova mais tradicional do atletismo, consistindo em uma corrida com o percurso de 42,195km, principalmente desenvolvida em ruas e estradas. Trata-se de uma prova que demanda muita resistência e motivação, além de tradicionalmente ser a prova de encerramento dos Jogos Olímpicos. Ela é disputada nesses jogos, desde 1896, quando possuía 40 km de trajeto.

A origem da maratona tem um mito de origem interessante: o soldado ateniense Fidípides teria corrido 42km entre o campo de batalha até Atenas, para contar aos atenienses que Atenas teria vencido a guerra contra os persas. Ressalta-se que os persas tinham prometido arrasar com as terras atenienses, bem como violar suas mulheres. Fidípides teria morrido após terminar sua tarefa. Não se sabe se este mito tem validade, mas é fato que a maratona se espalhou pelo mundo como o esporte mais popular do atletismo.

Atletas na Maratona de Tóquio 2019. Foto: nakashi / Wikimedia / CC-BY-SA

Mas como é feita a preparação para uma maratona? Você sabe? Em primeiro lugar, deve-se sempre fazer musculação – no mínimo duas vezes por semana -, e alongamentos sempre antes e após quaisquer exercícios físicos para aumentar força, flexibilidade e prevenir lesões. Em segundo lugar, a prática da corrida propriamente dita: é importante que se dedique ao menos quatro vezes por semana, em treinos que variem de 70 a 120 minutos. O treinamento é dividido em treino de base e específico. A preparação para uma maratona, ente iniciantes, demora aproximadamente um ano e meio e entre já praticantes, cerca de cinco meses. Entre iniciantes, deve-se colocar metas mais reais primeiro, para depois atingir os 42,195km: primeiro deve-se atingir os 5km, depois os 10km, os 15km, os 22km, para, finalmente, atingir o volume total de percurso. Lembre-se sempre antes de iniciar a prática de um exercício físico, procurar um profissional de Educação Física, para oportunizar o melhor tipo de treino e fazer a supervisão.

Outro ponto essencial para atingir o objetivo de se completar uma maratona é a alimentação. Consumir alimentos ricos em carboidratos e proteínas, aliado à ingestão de bastante água, pode fazer a diferença para a performance do atleta. Soma-se a isso tudo, dormir bem: sono de 8 horas diárias.

E o que é preciso para treinar uma maratona? a)Usar tênis apropriado para a corrida. Muitos atletas têm um para treino e um para competição; b) Fazer check-ups regulares no médico; c) Usar frequencímetro – aparelho que mede a frequência cardíaca; d) preferir treinamentos na rua em detrimento da esteira; buscar manter a motivação.

E a prática de maratona apresenta algum malefício? Segundo Araújo e Tenório (2020),”corredores de maratona podem eventualmente estar expostos a condições ambientais desfavoráveis associadas a alterações no volume sanguíneo e nível de hidratação que podem aumentar o risco de ocorrência de arritmias cardíacas que podem provocar parada cardíaca e morte súbita.” Nesse sentido, ainda que esta seja a introdução, o estudo conclui que riscos de morte súbita e de parada cardíaca entre homens tendem a serem mais baixos, quanto mais jovem for o atleta.

Assim, foi possível compreender o que é maratona; um pouco de seu histórico; uma breve noção de como se dá o treinamento para uma maratona; a importância da alimentação nesse programa de treinamento; elementos necessários para viabilizar o treino; e um exemplo de problemas em treinamentos de maratona. E, já foi dito anteriormente, mas nunca é demais lembrar: se você pretende correr uma maratona, ou fazer qualquer exercício físico, converse antes com um professor de Educação Física: ele elaborará um treino personalizado levando em consideração a sua condição física e de saúde em geral.

Referências

ARAUJO, O.A.S.T.A. TENÓRIO, M.C.C. Morte súbita e parada cardíaca em corredores de maratona: taxas de incidência e causas. Fisiologia do exercício, v.19, n.3, 2020. Disponível em:  https://doi.org/10.33233/rbfe.v19i3.3933. Acesso em 07/03/2022.

Como se preparar para uma maratona, 2021. Disponível em: https://www.tuasaude.com/como-se-preparar-para-uma-maratona/. Acesso em 07/03/2022.